Em Honduras, um homem de 50 anos de idade, que não teve o nome revelado, teve o pênis amputado após ter ficado com o órgão sexual preso por quatro horas em uma garrafa de cerveja, que ele usava como brinquedo sexual. De acordo com a reportagem do site Mail Online, o indivíduo não era casado e como não tinha namorada, preferiu satisfazer-se sexualmente usando a garrafa.

Segundo o médico urologista, Denis Chirinos, a equipe médica não viu outra solução ao não ser optar pela amputação do membro. Uma vez que seu órgão sexual acabou sofrendo uma necrose, causada pela falta da circulação do sangue. Embora pareça estranho, o Dr. Chirinos, conta que esse não é o primeiro caso que ele atende, já houve outros casos semelhantes a esse, mas cada caso é um caso diferente.

Publicidade
Publicidade

O problema pôde ser solucionado a partir do procedimento cirúrgico, denominado neofaloplastia, cirurgia onde os médicos criam um novo tubo peniano, com pele retirada das costas ou do ante braço. Na maioria dos casos, é possível reimplantar o órgão amputado, para isso, o membro deve estar em perfeitas condições e não pode estar danificado, como explica o médico urologista André Cavalcanti, supervisor do Departamento de Cirurgia Reconstrutiva da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). O outro método de tratamento é referente à colocação de próteses, onde a maioria funciona com o implante de um pequeno tubo de silicone na região dentro do pênis responsável por realizar a ereção.

De acordo com especialistas, existem dois tipos de próteses: as maleáveis, que podem ser controladas pelo próprio usuário na hora da ereção; as infláveis, que operam com a ajuda de bomba implantada no escroto, onde o equipamento bombeará um líquido para o interior dos cilindros, gerando uma ereção.

Publicidade

Em 90% dos casos, o paciente volta a usar o pênis normalmente. Mas, em alguns casos, pode haver complicações devido ao estreitamento da uretra, ocasionando na dificuldade de micção dependendo da condição do paciente será necessário o reimplante da uretra no períneo do abdômen. #consulta popular #Entretenimento #Curiosidades