Que o japão é um país de cultura exótica e diferente, todos já sabem, inclusive  o país tem uma das menores taxas de mortalidade do #Mundo. Em contrapartida, a natalidade e bem menor, diferente da China por exemplo. Todos sabem o quanto é desconfortável, por exemplo, estarmos em um ônibus e, de repente, alguém soltar aquele "peido". O desconforto é enorme, e o pior são a pessoas procurando e olhando para o lado, para tentarem descobrir quem foi o "artista", que fez isso.

A organização de turismo do #Japão lançou um alerta, proibindo turistas do mundo todo a "peidar" em ambientes públicos, pois, de acordo com a nota, todos devem respeitar a tradição e a cultura, enquanto estiverem de visita.

Publicidade
Publicidade

Um livreto com o nome "guia de etiqueta do viajante para Hokkaido" pede para que todos segurem suas "vontades" quando estiverem visitando locais públicos no país.

Os chineses são os grandes responsáveis por tal medida, isso por causa de seu histórico. De acordo com relatório, o guia tem como destino, chineses mal educados que visitam o país, hotéis estariam preocupados com a crescente procura de visitantes chineses. Uma das principais preocupações é a de que os turistas não roubem objetos, ou façam qualquer tipo de atividade ou ação, que possa atrapalhar as outras pessoas.

De certa forma, isso tem ajudado. O Japão é rigoroso nesse ponto, quando se trata de cultura e leis, eles fazem cumprir cada linha que foi dita, com isso, conseguem manter seu desenvolvimento e crescimento. A educação é outro ponto forte, os japoneses são um dos povos mais educados do mundo, isso porque, desde pequenos, aprendem com a escola e, depois de adultos, com jornadas pesadas de trabalho, por exemplo.

Publicidade

Os chineses não gostaram dessa medidas e criticam, por exemplo, parte do guia que pede para que, se visitarem o país, não levem itens fornecidos durante sua hospedagem nos hotéis, como secadores de cabelo, pratos e chaleiras. Porém, em relação ao peido, eles continuam bastante diretos, no que diz respeito a proibir tais atos em público. #Curiosidades