Os pilotos da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), órgão que faz o controle e avisa a população sobre fenômenos atmosféricos e meteorológicos, nos Estados Unidos da América, registraram um vídeo da passagem do furacão Matthew.

As imagens foram publicadas na rede social do próprio NOAA, na madrugada desta sexta-feira, 7 de outubro. A gravação foi feita no momento em que o furacão Matthew passava pela Flórida nos Estados Unidos.

As imagens mostram os condutores que estavam extremamente calmos, mesmo diante de tanta turbulência. Devido à travessia do furacão Matthew, o avião chacoalha de forma violenta.

Publicidade
Publicidade

A intensidade era tão grande que mal dava para enxergar. Depois o clima volta a normalizar.

Na página da rede social do NOAA eles descreveram o momento junto com o vídeo. No texto, eles contam que tinham acabado de chegar de um voo bastante turbulento onde conseguiram passar pelo olho da tempestade, que estavam fornecendo as imagens em primeira mão, aos seguidores da pagina.

O órgão (NOAA) explicou que o modelo da aeronave WP-3D Orion (modelo utilizado para momentos de riscos, como grandes tempestades e furacões), dava suporte para a tripulação realizar o voo. Aproveitam para fazer um alerta à população que estivesse em locais de risco para seguir as orientações das equipes de segurança do local.

Em mais de dez anos, o furacão Matthew é o mais ameaçador nos Estados Unidos de todos os tempos.

Publicidade

Chegou à Flórida nesta sexta-feira, com fortes chuvas e muita ventania. Quando passou pelo Haiti, deixou 478 pessoas mortas. Na vizinha Republica Dominicana, deixou outras 4 mortas. Milhões de pessoas estão em alerta.

Matthew ainda ameaça 4 estados americanos. Ele segue pelo norte da Flórida, em direção aos estados da Georgia, Carolina do Norte e Carolina do Sul. O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou que o estado da Flórida havia escapado do pior, mas as enchentes e tempestades ainda são preocupações atuais.

Após reunião com chefes da Agência Federal para a Gestão de Desastres, Obama informou que estavam apenas na parte frontal do furacão, que eram necessários entre 3 a 5 dias para saber onde será o ultimo impacto do Matthew.

O presidente ainda ressaltou que a população deve seguir rigorosamente as orientações das autoridades, que se pedirem para sair, que saiam, afirmou ele.

Embora tenha sido rebaixado com furacão de categoria de intensidade 3, Matthew é um furacão extremamente perigoso, um dos mais perigosos da atualidade.

#Tragédia #Viral