O caso foi registrado na última segunda- feira (14), em um vilarejo, Strugi Krasnyye, na região de Pskov, na Rússia. Na ocasião, um casal de adolescente identificados como Denis, e sua namorada Katya, ambos de 15 anos, resolveram transmitir, ao vivo, o que seria os últimos minutos de suas vidas. Na ocasião, eles postaram um vídeo pelas redes socais onde aparecem trocando tiros com a Polícia.

De acordo com a reportagem do jornal ''Daily Mail'', toda a confusão teria começado depois que a mãe de Katya, havia proibido a filha de dormir na casa do namorado, após uma festa do pijama. Irritado com a proibição da futura sogra, Denis teria efetuado um disparo de arma de fogo contra a perna da mulher.

Publicidade
Publicidade

Na sequência, ambos teriam fugido de ônibus em direção a um sítio da família de Katya. Chegando no local, os adolescentes arrombaram uma das janelas e conseguiram entrar na casa. ''Nos não temos direitos a nada'', relatou o jovem em uma de suas postagens.

De acordo com informações, as postagens de Denis, foram publicadas por meio do aplicativo Periscope, que é capaz de transmitir um evento ao vivo, através de um celular. Durante as filmagens, os adolescentes aparecem no vídeo portando duas espingardas e muita munição. Segundo informações, as armas teriam sido roubadas do padrasto de Katya, que havia servido ás forças especiais da Rússia.

Quando a Polícia chegou no local foram recebidos a tiros. De acordo com um dos vídeos, é possível ver os jovens atirando contra uma viatura da Polícia. Após um intenso tiroteio, os agentes conseguiram invadir a casa, mas na ocasião acabaram encontrando os adolescentes já desfalecidos no interior da residência, onde apresentavam claros sinais de suicídio.

Publicidade

Antes de suicidar-se, o jovem Denis resolveu postar uma mensagem no Instagram, onde ele se despedia de seus amigos e familiares, ele também descreve a vida como divertida. Além disso, o jovem pede para que as pessoas não tenham medo de viver. Logo depois, o rapaz atirou na namorada e depois efetuou um disparo contra a própria cabeça.

Ainda de acordo com as gravações, no momento do tiroteio a dupla é flagrada bebendo Vodka, e fumando o que muitos acreditam ser cigarros de maconha. Na sequência, os dois aparecem rindo da situação, dando a entender de que estivessem ''chapados''. Em um determinado momento do vídeo, o rapaz afirma que se eles forem presos presos, nunca mais voltarão a se ver. Por conta disso, ele pretendia se suicidar em grande estilo. #Tragédia #Curiosidades #Casos de polícia