É muito comum no final do ano que pais e crianças questionem seus atos e confirmem se são ou não merecedores dos presentes do bom velhinho. Neste época também, milhares de cartinhas lotam os correios com pedidos de crianças carentes e acamadas, que pedem presentes àqueles que querem ser solidários de alguma forma.

Campbell Remess, um garoto australiano de 12 anos, provavelmente foi inspirado a fazer o bem durante o natal de 2013 e pediu que seus pais comprassem presentes para que ele oferecesse às crianças hospitalizadas e carentes. Apesar de se alegrarem com o gesto nobre do filho, seus pais não puderam atender seu pedido pelo volume de contas e despesas que eles já haviam comprometido para o final do ano.

Publicidade
Publicidade

O pequeno Campbell poderia ter desistido e se conformado com a negativa, mas, ao invés disso, decidiu investir o pouco dinheiro que seus pais poderiam lhe dar, seu tempo e carinho para confeccionar ele mesmo brinquedos que pudessem ser oferecidos a outras crianças no natal seguinte.

Foi então que ele criou o Projeto 365 e decidiu fazer um brinquedo por dia do ano. Recorreu a vídeos e tutoriais na internet para aprender a costurar e moldar os bichinhos de pelúcia, e no final de 2014 conseguiu entregar todos os 365 ursinhos de pelúcia feitos por ele para crianças internadas com doenças graves, fato que se repetiu em 2015.

Como gentileza gera gentileza, em pouco tempo muitas pessoas conhecidas e desconhecidas começaram a ajudar o pequeno australiano através de sua página do #Facebook. Ele também relata em sua página ter enviado seus bichinhos de pelúcia para vítimas de atentados, como crianças francesas de Paris e Nice na França, e também crianças refugiadas.

Publicidade

Para angariar fundos para matéria-prima de seus bichanos, Campbell faz edições especiais de seus ursinhos para leilões e rifas, tem uma conta de crossfunding divulgada em sua página de Facebook e ainda interage regularmente com seus apoiadores, pedindo inclusive para que as pessoas indiquem crianças de qualquer lugar do planeta que estejam precisando receber um de seus ursinhos para confortar seus corações, como ele mesmo gosta de justificar seu gesto tão nobre.

Em uma das mensagens deixadas para o bondoso garoto, uma mãe relata:

" Querido Campbell,

Você é maravilhoso e grandioso. Tem um coração de anjo. Obrigado amigo, por cuidar. Eu sou a mãe de uma criança que estava em estado terminal e infelizmente nosso garoto faleceu não há muito tempo atrás, mas eu posso te dizer o quanto você emocionou famílias de crianças que receberam seus ursinhos de esperança. É difícil ver a luz quando você está afundando na escuridão mas você, você é luz. Você aquece e ilumina o mundo com sua generosidade e compaixão. Que Deus lhe abençoe, doce garoto"

(em tradução livre feita a partir da página do Facebook Project 365 by Campbell)

Bons exemplos assim devem inspirar adultos e crianças.

Publicidade

É possível ajudar o pequeno Campbell, mas é certo que se outras atitudes como estas surgirem, a atitude dele será ainda mais grandiosa!

Um pensamento para compartilhar nesse momento do ano tão propício, não é mesmo? Então faça isso já! #Mulher #cancer