O ainda presidente dos Estados Unidos da América, #Barack Obama, fez uma viagem como que de “despedida” por alguns países do continente europeu poucos dias atrás, logo após a derrota da candidata democrata Hillary Clinton para o republicano Donald Trump, para ver quem iria ocupar o cargo do novo presidente norte-americano. Na sua ida à Europa, Obama chegou primeiramente na Grécia, onde com o seu carisma e oratória sempre destacados, acabou fazendo um vídeo em tom de puro elogio sobre a Grécia, país que é considerado e eleito por todos como o berço da democracia e também da civilização do Ocidente.

A filmagem ocorreu na famosa e muito visitada por turistas de todo o mundo, colina da Acrópole, localizada na capital grega, que é a cidade de Atenas.

Publicidade
Publicidade

Posteriormente, com o retorno de Obama aos #EUA, o vídeo foi postado na rede social oficial do Twitter da Casa Branca em Washington.

De fato, é uma combinação no mínimo muito curiosa e que possui um apelo emocional singular, do homem mais poderoso do mundo sendo filmado no cenário que tem a linda obra da arquitetura grega, que é o Partenon, símbolo da #História mundial, ao fundo, onde o presidente diz que “uma das grandes alegrias sendo um presidente é a possibilidade de viajar, conhecer culturas e conhecer pessoas. Isto é importante não só para a nossa segurança nacional, mas também para compreender a nós mesmos".

Barack Obama, foi o um exemplo clássico como 1º negro presidente dos Estados Unidos e, por isso, quebrou mais um paradigma racial fortemente entrincheirado naquela nação. O presidente destacou que o Partenon e a própria cidade de Atenas foram testemunhas dos ideais e discussões sobre a democracia que estruturaram todos os conceitos de cidadania moderna e do Estado de direito vigente no mundo atual.

Publicidade

Enfim, os princípios filosóficos e éticos da Grécia (ratificados agora com o reconhecimento público de Obama) são dignos de nota e apreço, uma vez que representam a vitória do bem sobre o mal, da civilização sobre a barbárie, da esperança sobre o temor.