Normalmente, a maioria dos hotéis funcionam como estabelecimentos que disponibilizam serviços de hospedagens, refeições e #Entretenimento para o público em geral. Mas, além destes serviços, um #Hotel em específico destaca-se dos demais, o chamado Divorce Hotel, foi inaugurado em 2013, em Amsterdã, na Holanda, cujo seu principal objetivo é intermediar o divórcio de casais que se hospedam no hotel casados e deixam o hotel solteiros. Na Holanda, o estabelecimento funciona com uma espécie de empresa, que atua em parceria com outros hotéis de Amsterdã.

Mas como nos demais hotéis, no Divorce Hotel, os hóspedes precisam fazer o check in antes da hospedagem.

Publicidade
Publicidade

Durante a estadia, o casal é assessorado por advogados que trabalham como mediadores. Na ocasião, outros profissionais, como corretores de imóveis e contadores também são contratados para assessorar o últimos detalhes da separação, tudo é feito em tempo recorde.

Se tudo ocorrer dentro do planejado, os papéis do divórcio, são assinados dentro de 48 horas. De acordo com Jim Halfens, um dos fundadores do Divorce Hotel, ele explica que o principal objetivo da instituição é fazer com que as separações ocorram dentro de um ambiente confortável, sem a interferência de familiares ou amigos do casal.

O empresário explica que o hotel acabou fazendo tanto sucesso na Holanda, que recentemente uma segunda unidade do empreendimento foi inaugurada em Los Angeles, nos Estados Unidos, onde a diária para o casal varia entre 25 mil a 42 mil reais.

Publicidade

Na maioria das vezes, os casais costumam reservar quartos separados. Mas nem sempre é assim, há casos onde os casais costumam dividir o mesmo quarto para aproveitar os últimos instantes da vida de casados. Halfens afirma, que em breve pretende expandir o seu negócio para alguns países da América Latina. Ele diz que nos últimos anos, vem recebendo inúmeros pedidos de brasileiros interessados em se hospedarem no seu hotel. Por conta disso, o Brasil é o país mais cotado para receber o empreendimento.

Uma das justificativas apontadas pelo empresário, está relacionado ao crescente número de divórcios no Brasil. Atualmente, o número de separações dos casais brasileiros, apresenta um crescimento superior a 160% em dez anos, quando foram registrados em torno de 350 mil divórcios. Isso representa em torno de 1,7 mil divórcios por habitantes, A média brasileira se iguala a metade da taxa dos Estados Unidos, que é de 3,2 mil divórcios por habitantes. Levando-se em consideração que os Estados Unidos, seguido de Dinamarca e Bélgica, são os países onde ocorrem os maiores números de separações do mundo com índices de a 65% para cada. #Curiosidades