O caso aconteceu na instituição de ensino Mountain View High School, em Orem, nos Estados Unidos, onde um estudante de 16 anos atacou colegas de escola, dentro do vestiário masculino. O adolescente esfaqueou 5 garotos e em seguida se feriu com a faca. A situação só não ficou pior pois houve a intervenção da equipe de segurança escolar, que invadiu o vestiário, evitando uma tragédia ainda maior.

As informações são do jornal Mirror, e foram divulgadas nesta terça-feira (15). O incidente aconteceu na manhã desta terça-feira, por volta das 08h00 da manhã. O rapaz de 16 anos aproveitou o momento em que muitos garotos estavam dentro do vestiário, sacou a faca e começou a esfaquear 5 colegas que estavam lá.

Publicidade
Publicidade

Em seguida o jovem tentou se matar, se esfaqueando a si próprio.

A ação foi interrompida pela rápida intervenção das equipes de segurança da escola. Os 5 adolescentes e o autor do #Crime foram socorridos e levados a hospitais locais e próximos ao local. De acordo com o boletim médico, as lesões provocadas pela faca foram classificadas como "grave" e "menos grave", sem risco de vida para os pacientes. Foi declarado estado de saúde estável dos pacientes.

O estudante, que é suspeito de esfaquear colegas de escola, encontra-se custodiado e está à disposição das autoridades americanas.

Infelizmente, os Estados Unidos são mais uma vez cenário de tragédia em escolas, onde um suspeito fere ou mata de forma coletiva. A cidade de Orem está em choque com o ocorrido. A polícia está investigando o caso; a motivação para o crime ainda não foi revelada.

Publicidade

Após o incidente, a escola foi reaberta e liberada para retornarem às aulas de maneira normal. Foi divulgado, pelo jornal Mirror, que a instituição de ensino é segura e por este motivo as atividades foram retomadas.

Uma porta-voz afirmou que o incidente poderia ter sido muito maior, se as equipes de segurança não agissem com bastante agilidade, apreendendo o rapaz e impedindo-o de ferir outros garotos, e até mesmo de cometer o próprio suicídio. Embora as atividades já tenham retornado ao normal, muitos pais e alunos estão assustados com tudo que aconteceu no estabelecimento de ensino.

Até o fechamento desta matéria não foi revelado se os 5 adolescentes feridos já receberam alta hospitalar.

#EUA #Investigação Criminal