Há várias décadas, a medicina tenta comprovar, ou não, a possibilidade da consciência se manter ativa depois da morte física.

Estudos efetuados por meio de relatos de pacientes que morreram e voltaram para contar o que ‘viram’ - chamados de experiência de quase morte -, sugerem a possibilidade da percepção humana continuar a existir, ao menos durante um curto período após o falecimento.

Apesar das pesquisas tentarem decodificar os mistérios do ‘além’, até o momento, não existem provas suficientes para corroborar a presença de fantasmas. No entanto, os mortos parecem fazer questão de mostrar que são reais.

Em meio a diversos castelos ditos ‘mal-assombrados’, no Reino Unido, um caso recente intriga uma família britânica.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o jornal inglês Daily Mirror, de segunda-feira (28), ao visitar o antigo castelo de Crathes, no condado de Aberdeenshire (Escócia), a família foi surpreendida com a aparição fantasmagórica de uma sinistra idosa, que surgiu atrás das imagens, na porta da fortaleza medieval. O suposto espírito ainda aparentou estar com um bebê nos braços.

No entanto, segundo o jornalista Aidan Scott (Mirror), está não foi a primeira vez que uma assombração surgiu no local. Ele comentou que no decorrer dos anos, tem havido centenas de histórias sobrenaturais no Crathes.

Dessa vez, a horripilante imagem se fez presente depois de Bill Andrew, 78 anos, fotografar a família na frente do castelo, no início do mês. Os parentes vieram da Inglaterra visitar o idoso.

Enquanto registrava a filha Coleen Marsh, 60, com a neta Jessica Hockley, 30, e o bisneto, Findley Hockley, três anos, a insólita figura ‘do além’ apareceu ao fundo.

Publicidade

Contudo, somente alguns dias depois, a filha Coleen notou o fenômeno.

Embora o local tenha fama de ser ‘habitado por espíritos', o idoso acrescentou que desconhecia as lendas sobre atividades paranormais no Crathes.

“Eu não sabia que tinha essa reputação de ser assombrado e ter fantasmas que aparecem o tempo todo, para ser honesto”, concluiu.

Frequentes atividades paranormais

Em depoimento ao Mirror, James Henderson, gerente da propriedade, acrescentou ter havido diversas ocorrências enigmáticas em torno do castelo, principalmente na época de Halloween.

Além disso, funcionários que trabalham como guia do Crathes, reportaram “estranhas sensações” no interior do local, como frio incomum em alguns ambientes, e também sons fantasmagóricos nas repartições do castelo.

O fato das pessoas terem registrado uma assombração com um hipotético bebê no colo, induziu o gerente a acreditar que elas fotografaram o espírito de uma mulher conhecida como a ‘Dama Verde’.

Dama Verde

James Henderson explica que a Dama Verde, geralmente, é percebida num quarto do castelo, com uma criança nos braços.

Publicidade

A lenda diz que durante a reforma da propriedade, foram achados os esqueletos de uma mulher e de uma criança. Elas haviam sido enterradas abaixo da lareira. Desde então, a suspeita é que elas apareçam de vez em quando para assustar os visitantes.

Também há a história de outra assombração, chamada Lady Agnes, cuja presença é notada com frequência pelos visitantes.

De acordo com Henderson, a mulher teria morrido subitamente depois de envenenar a namorada do filho. O folclore a cerca de Lady Agnes, ainda diz que ela costuma reaparecer na data do aniversário de sua morte - que não foi divulgada pelo gerente do castelo. #Curiosidades #Viral #Internet