Jogos de #Futebol realmente podem acabar muito mal. É comum brigas, desentendimentos e até a torcida fazendo xingamentos que não são muito pronunciadas por aqui. No entanto, um fato está chocando todo México. Durante uma partida de um campeonato local amador de futebol, que ocorreu na última no último final de semana, uma grande confusão aconteceu ainda em campo. Tudo depois que o jogador conhecido como Ruben Rivera acabou levando o cartão vermelho do árbitro, identificado como Vitor Trejo.  O juiz da partida não tinha gostado de uma falta que o jogador acabara de fazer.  No entanto, o atleta também não gostou nada do cartão vermelho que levou e ficou descontrolado.

Publicidade
Publicidade

Ao ser expulso, ele não teve dúvida. Após bater no companheiro adversário, sobrou também para o juiz. O árbitro acabou levando uma Pancada Forte na cabeça. De acordo com informações da revista Veja, em reportagem publicada nesta quarta-feira, 9, o juiz de 59 anos de idade estava apitando o jogo entre os times amadores quando tudo aconteceu. Inicialmente, o árbitro acabou desmaiando no exato momento em que sofreu a pancada na cabeça. De acordo com dados médicos, ele sofreu uma hemorragia e também um traumatismo craniano. O juiz de futebol acabou não suportando a forte porrada que levou na cabeça e ainda morreu no local.

A imprensa mexicana diz ainda que durante muitas horas o corpo do árbitro ficou ali no campo jogado, enquanto torcedores passavam e ficavam abismados com tudo o que havia ocorrido.

Publicidade

O cadáver, segundo a imprensa, estava esperando apenas a perícia para que determinar quem era culpado. Será que o jogador realmente teve a intenção de matar o juiz ou tudo não passou de um desentendimento em campo? Ao saber que o árbitro tinha morrido, Vitor,  seu algoz, não teve dúvida. Ele fugiu de campo e também do município. A polícia, muito rápida, logo começou as buscas por ele. Não demorou muito para que até os companheiros de time do agressor dissessem onde ele morava. No entanto o atleta ainda não foi encontrado.