Fidel Castro morreu na noite de sexta-feira, dia 25, em Havana, mas o comunicado foi dado somente na madrugada deste sábado por seu irmão, Raúl Castro, em um vídeo onde aparece visivelmente emocionado. Raúl disse que era com profunda dor que estava comunicando não só ao povo de Cuba, mas a todos os amigos da América e do #Mundo que seu irmão faleceu no dia 25 às 22h29.

O corpo de Fidel Castro será cremado, segundo sua vontade e os detalhes sobre as homenagens póstumas ainda serão repassadas. As últimas imagens divulgadas de Fidel Castro são do último dia 15, quando o líder cubano recebeu o presidente do Vietnã, Tran Dai Quang.

Publicidade
Publicidade

Mas o povo de Cuba chegou a ver Fidel em um ato público realizado no dia 13 de agosto, quando foi comemorado o seu aniversário de 90 anos.

Fidel Alejandro Castro Ruz não chegou a ser eleito por eleições diretas e uma vez no poder não autorizou a criação de partidos de oposição. Cuba continua sendo um dos países onde a imprensa tem a menor liberdade de imprensa, apesar de alguns avanços conquistados nos últimos anos. É por esse e outros motivos que o governo de Cuba é tão criticado por líderes do mundo inteiro.

Em 2006, Fidel entregou a seu irmão o cargo de presidente do país e retirou-se oficialmente do cenário político, mas nunca deixando de ser um importante personagem na história recente do país.

Após se graduar, Fidel Castro começou a se opor ao governo, fazia denúncia de corrupções e também de atos ilegais do então governo, Carlos Prío.

Publicidade

No ano de 1955 foi aos Estados Unidos tentar apoio de cubanos que viviam por lá. Fez discurso em Nova York e também em Miami. Juntou dezenas de combatentes e por mais de 2 anos ficaram em Sierra Maestra, onde o Exército Rebelde Cubano se fortaleceu com ele no comando geral.

Em abril desse ano, ao participar do XVII Congresso do Partido Comunica, em Cuba, Fidel Castro disse que todo mundo irá morrer, mas as ideias ficarão para mostrar que é possível produzir bens não só materiais e culturais para as pessoas e que todos devem lutar para que isso se torne realidade.

Assista ao vídeo de Raúl Castro, comunicando a #Morte de seu irmão, Fidel Castro:

#Polêmica