O nome dela é Melissa, tem 24 anos, mora em Wellington, na Nova Zelândia, e em um surto de loucura, talvez, decidiu marcar 30 encontros pelo Tinder, o famoso aplicativo de relacionamento que funciona pelo celular. Mas, o mais interessante e o mais louco, é que ela fez isso tudo em apenas um mês.

Dos 30 caras que Melissa convidou para sair com ela, somente um não foi, mas mesmo assim ela ainda saiu com 29, incluindo até mesmo uma #Mulher, e acabou ficando com 25 deles.

Para a moça, a experiência que ela nomeou de "um experimento", serviu como base para o seu blog, 30 Days Of Tinder (30 dias de Tinder), onde relata os encontros e como foi ter ficado com 25 homens em apenas um mês, sendo que no final teve uma grande surpresa.

Publicidade
Publicidade

No início, a moça revela que estava muito empolgada com tudo e resolveu seguir alguns conselhos de amigos e assim começar a sua aventura junto às pessoas das quais nunca tinha ouvido falar. Segundo a entrevista que ela deu ao jornal Metro, ela estava solteira mesmo, "então que mal haveria nisso?". E ainda afirmou que tudo era para ter sido uma brincadeira, mas no final ela acabou levando à sério.

Depois de começar o seu desafio, Melissa passou a gastar cerca de 60 horas semanais usando o aplicativo só para marcar seus encontros, ou seja, ela ficou muito ocupada mesmo. E, depois de ficar com 25 desconhecidos, ela afirmou ter feito amizade com a maioria deles até que um se tornou o seu namorado de verdade, o que foi a surpresa do fim da história.

Melissa jura que não queria fama e nem queria só "aparecer" com tudo o que fez.

Publicidade

“Queria esclarecer que isso foi apenas um experimento maluco, bolado com os amigos num jantar”, contou.

Entre os homens que ficou, conta ela em seu blog que eles eram de tudo quanto é jeito: barbudos, personal trainer, poeta, nerd, amantes de Harry Potter, etc. e em seu perfil do Tinder, Melissa se descrevia como uma pessoa que adora cães e gosta de homens do tipo "pais de família".

O primeiro encontro dela foi com um homem cheio de tatuagens e o segundo foi com um inglês, muito educado. Mas, por outro lado, também conheceu um caipira que só queria olhar para o seu decote. 

Muitas foram as histórias que a moça teve para colocar em seu blog, mas com certeza aquela na qual conheceu o seu verdadeiro amor deve ser a mais interessante. Mesmo com a curiosidade de todos, ela não divulgou os rostos das pessoas com as quais se encontrou, mas revelou que teve mais de um encontro por dia neste mês, onde vivenciou talvez uma das maiores aventuras da sua vida. #Relacionamento #Aplicativos