O que era para ser uma conversa descontraída entre dois adolescentes - uma garota e um rapaz -, que se comunicavam por meio de vídeo-chamada, na #Internet -, resultou numa cena pavorosa, que tem intrigado até mesmo os mais céticos.

Embora doenças psiquiátricas possam desencadear comportamentos esquisitos entre as pessoas, como a esquizofrenia, por exemplo, onde a maior parte dos afetados dizem ouvir vozes e ver espíritos, elas são incapazes de influenciar objetos inanimados, como acontece no episódio ocorrido com a menina do vídeo desta matéria.

A filmagem, exibida neste domingo (20), no jornal britânico Daily Mirror, mostra, inicialmente, uma situação corriqueira, em que uma garota, deitada na cama, degusta alguns biscoitos recheados, ao mesmo tempo em que dialoga com o colega (ou namorado), do outro lado da tela.

Publicidade
Publicidade

Contudo, alguns segundos após o início da filmagem, a adolescente (nome não revelado), residente da cidade de Aguascalientes, capital do estado mexicano que leva o mesmo nome, interrompe o ‘papo trivial’ e diz estar se sentindo estranha.

Quase que no mesmo instante depois de perceber o ‘mal-estar’, ela solta o telefone e parece ter uma crise de epilepsia. Seu corpo está enrijecido, e os dedos das mãos estão dobrados feito garras.

No entanto, se o incidente terminasse apenas com a jovem se contorcendo, seria lógico supor que ela fora afetada por uma crise epiléptica. Porém, na sequência, a situação fica ainda mais bizarra e inexplicável.

Enquanto permanece imóvel sobre a cama, a porta do quarto, que estava aberta até então, se fecha abruptamente, como se alguém, ou alguma 'força invisível', a empurrasse de encontro à fechadura.

Publicidade

Logo após, a adolescente volta a se mexer. Ela levanta da cama, abre a porta e corre em direção ao corredor do edifício.

Porém, ainda é possível escutar um tenebroso e angustiante grito emanado pela jovem, apesar dela não aparecer nas imagens.

Até o momento, o nome e o paradeiro da vítima são desconhecidos. Todavia, não há como negar que a filmagem é escabrosa.

Se você, caro leitor, acredita em espíritos e teme que eles possam lhe afetar, recomendamos que não assista ao vídeo.

Entretanto, se você está disposto a assumir o risco, lembre-se: nós avisamos.

#Curiosidades #Viral