Um homem foi flagrado fazendo um ato sexual a ele mesmo, em um salão de beleza. O incidente aconteceu na cidade de Constanta, na Romênia, e o #Vídeo que registrou esse momento está viralizando na Internet. Foram as cabeleireiras que colocaram o vídeo nas redes sociais, depois de denunciarem o caso para a polícia. Entretanto, o homem já se encontra detido e deverá ser punido por esse ato pervertido. Antes da sanção da #Justiça, ele foi punido, na hora, pelas cabeleireiras que, horrorizadas com o que estavam vendo, atacaram o homem.

O vídeo mostra o momento em que um homem entra em um salão e se senta, enquanto parece aguardar por sua vez.

Publicidade
Publicidade

Durante a espera, as cabeleireiras continuam trabalhando, com outras clientes, que estão já sendo atendidas.

É nesse momento que todas as mulheres parecem distraídas, que o homem, que está de frente para as câmeras, fica olhando para elas e começa seu ato. O pervertido coloca a mão direita debaixo do blusão e, alegadamente, começa tocando nos seus genitais. O vídeo continua com o homem sempre mexendo sua mão nessa zona mais íntima de seu corpo, dando prazer a ele mesmo, enquanto que parece que ninguém está reparando no que o homem está fazendo.

Segundos depois, uma mulher repara no que está acontecendo. E, imediatamente, partiu para cima do homem, esbofeteando ele. Alegadamente, avisadas por essa cabeleireira, as outras funcionárias e também clientes, agrediram e expulsaram o pervertido do salão.

Publicidade

Depois de isso, chamaram a polícia e apresentaram queixa contra o homem, por ter feito esse ato sexual, sem qualquer pudor, em um local público. A polícia está agora investigando melhor esse caso. Como o homem foi expulso do salão, os policiais ainda demoraram para identificar o homem. Mais tarde, depois de visualizarem essas imagens captadas pelas câmeras de segurança, a polícia conseguiu descobrir quem era o homem e fazer a detenção.

Neste momento, o pervertido se encontra detido preventivamente, e vai mesmo enfrentar a Justiça romena. Com o depoimento das mulheres presentes no salão e das imagens das câmeras, o homem deverá mesmo ser condenado por esse ato em público.

Assista ao vídeo do momento:

#sexo