Em menos de trinta dias após a tragédia com o avião que levava a delegação da Chapecoense, vários acidentes aéreos aconteceram. O último aconteceu de madrugada, quando um avião militar russo caiu no Mar Negro. A aeronave possuía 92 pessoas, sendo 64 artistas do Ensemble Aleksandrov, do Exército russo, além de jornalistas e soldados.

O Ensemble Aleksandrov é conhecido mundialmente por suas belas performances de dança folclórica russa, além da apresentação de músicas populares, óperas, hinos diversos e árias. O grupo era dividido entre os músicos e cantores e uma equipe que fazia performances de dança. O coral era formado por homens, mas o corpo de dança era integrado por jovens dançarinas, sendo elas: Maria Klokotova, Liliya Pyrieva, Ralina Gilmanova e Daria Trofimova.

Publicidade
Publicidade

Pelas redes sociais, amigos e meios de comunicação da Rússia divulgaram a tragédia e a foto das jovens bailarinas:

Os 92 passageiros se dirigiam ao Kremlin para a participação em eventos festivos do final de ano, como é costume no país. A notícia logo ganhou as principais manchetes e a alegria do Natal se transformou em logos de luto nas redes sociais e mensagens de força para as famílias russas que perderam seus entes queridos nesse trágico #Acidente.

Além das bailarinas e cantores do grupo, também haviam jornalistas e cinegrafistas das principais emissoras de TV da Rússia, como Dmitry Runkov e os operadores Aleksandr Soydov e Vadim Denisov.

Publicidade

A Pervy, principal emissora de TV da Rússia, divulgou a foto dos seus funcionários que estavam no voo:

As autoridades estão em busca dos corpos no Mar Negro. As informações ainda são desencontradas, mas segundo a imprensa russa, cerca de dez corpos já foram resgatados. Cinco helicópteros e quatro navios estão fazendo as buscas pelas vítimas. O presidente da Rússia, #Vladimir Putin, lamentou a tragédia e declarou luto oficial em todo o país pelas vítimas do acidente. Putin ordenou que Dmitri Medvedev, primeiro-ministro russo, lidere as investigações para entender o que levou o avião Tu-154 a cair no mar. #É Manchete!