Na noite de domingo (11), às 22h25, moradores de várias cidades da Espanha foram surpreendidos pela manifestação de uma enorme bola de fogo, avaliada pelas testemunhas como “mais brilhante do que a lua”, segundo informações do jornal britânico Daily Mirror.

A rocha espacial, captada por cinco astrônomos espanhóis, além da Universidade de Huelva, descrito por eles como “enorme”, foi percebida por milhares de habitantes das regiões de Costa del Sol, Granada, Almeria, Toledo, Sevilha e Jaen.

De acordo com a repórter Rita Sobot, quando o insólito corpo celeste iluminou o céu espanhol, na noite de domingo, ele emitiu um barulho amedrontador, que surpreendeu as testemunhas.

Publicidade
Publicidade

Horrorizados com o evento, turistas de Andaluzia disseram que o som do ameaçador objeto, que atravessou a atmosfera da Terra a mais de 72 mil km/h, segundo cálculos dos cientistas, era semelhante ao de um “trovão”. Ainda ressaltaram que o chão pareceu se mover.

Conforme o Mirror, residentes dos pequenos municípios de Albolote, com pouco mais de 18 mil habitantes, e de Peligros, com população em torno de 11 mil pessoas, acostumados a tremores de terra, pensaram que um terremoto havia acometido a região.

Eles relataram que as janelas das casas tremeram, além de ouvirem um forte estrondo, como se uma pesada pedra tivesse impactado contra o solo.

No site espanhol meteoroides.net, astrônomos salientaram que o bólido foi filmado por estações de detecções de meteoros do projeto INTELIGENTE.

Eles ainda ressaltaram que a análise do fenômeno fora feita pelo professor José Maria Madiedo, da Universidade de Huelva.

Publicidade

“Especificamente, o evento foi registrado das estações que a Universidade de Huelva opera nos observatórios de Calar alto (Almeria), a Hita (Toledo), a Sagra (Granada), Sierra Nevada (Granada) e Sevilha”, escreveram os pesquisadores.

Estudiosos acreditam que parte da rocha espacial caiu na Terra como um meteorito, que se despedaçou em várias partes sobre a Espanha.

Após o vídeo ser publicado no canal do site, no Youtube, dezenas de espanhóis disseram ter testemunhado o evento, inclusive moradores de cidades mais distantes.

“Eu moro em Barcelona, e realmente foi espetacular”, comentou PokeAnime.

A partir de amanhã tem início as famosas chuvas de meteoros Geminíadas, que acontecerá em paralelo à última Grande Lua (Big Moon) do ano, de 13 para 14 de dezembro.

Até o momento, destroços do meteorito não foram encontrados.

#Curiosidades #Europa #Internet