De acordo com o Siberian Times, um reality #show que estreará na Rússia em 2017 promete ser diferente de tudo o que já se viu, pois suas regras permitem que os 30 participantes da competição façam o que desejar, inclusive matar e estuprar.

O reality show, que recebeu o nome de Game2: Winter (Jogo2: Inverno), tem previsão para estrear no dia 1º de julho de 2017, e foi idealizado pelo empresário russo Yevgeny Pyatkovsky. O objetivo da competição é "simples": os participantes devem permanecer vivos por 9 meses em uma floresta russa de taiga, até o dia 1º de abril de 2018. O local é um ambiente repleto de lobos e ursos, onde a temperatura passa dos 35 graus Celsius no verão e chega a -40 graus Celsius no inverno.

Publicidade
Publicidade

Pyatkovsky disse ao Siberian Times que as pessoas que se colocarem em perigo ou não puderem enfrentar as condições extenuantes do programa poderão usar uma espécie de "botão de pânico", com conexão via satélite. No entanto, segundo o empresário, "o show será absolutamente extremo", e os participantes deverão assinar um documento, cientes do perigo de que poderão ser até mesmo estuprados ou mortos – mas claro que quem cometer os crimes, será responsabilizado pelos seus atos e enfrentará acusações perante a justiça russa.

Pyatkovsky declarou ainda que os candidatos devem ter em mente que estarão em uma floresta selvagem, convivendo por 9 meses junto com animais ferozes e insetos perigosos, e que qualquer ajuda, mesmo de helicóptero, levará cerca de meia hora para chegar ao local do reality show.

Publicidade

O programa contará com a participação de 30 pessoas, sendo metade homens e metade mulheres, que receberão treinamento de sobrevivência de ex-membros das forças especiais da Rússia (grupo conhecido como GRU Spetnaz). Porém, após o treinamento, os competidores estarão completamente sozinhos.

Isolados e por conta própria

Pessoas do mundo inteiro poderão se inscrever para participar da competição, e os integrantes do reality show serão escolhidos pelos próprios espectadores, através de votação online. Mas ainda existe uma segunda opção: se alguém for insano o bastante, pode pagar o equivalente a US$ 165 mil e se qualificar sem precisar passar pela etapa de votos.

Cada participante poderá levar cerca de 100 kg de equipamentos, e os únicos tipos de armas permitidos serão facas. Além disso, a cada semana, os sobreviventes poderão solicitar algum item, e caberá aos telespectadores doar dinheiro no site da competição, para que o item em questão seja comprado e entregue pela produção do programa.

Yevgeny Pyatkovsky afirmou, segundo o Siberian Times, que não haverá equipe de filmagem presencial. Entretanto, o local da competição, de 900 hectares de extensão, será cercado por 2 mil câmeras, e cada participante portará uma filmadora pessoal. O empresário acrescentou ainda que quem conseguir chegar ao final dos 9 meses de reality show receberá um prêmio de US$ 1,65 milhão, e se houver mais de um vencedor, este valor será dividido. #Curiosidades