Ed Cusick revelou na sua página de #Facebook, que sua amada esposa acabava de perder a batalha contra um câncer do intestino. A mulher que sonhava passar o dia de Natal com o filho de 21 meses, e com ele abrir os presentes, morreu cinco dias antes. O marido, Ed, se mostrou arrasado em um post, onde mostra todo o seu amor pela esposa, mas também seu apreço por todos os que tentaram ajudar a realizar o sonho de Nina. Não foi possível e o Natal de Teddy vai ser bem mais triste, quando for abrir os presentes, na manhã do 25 de dezembro, sem a #mãe do lado.

Post emocionante no Facebook

Foi no Facebook que Ed Cusick se despediu da mulher e informou os seus seguidores da sua perda inestimável.

Publicidade
Publicidade

Ed contou que ela foi no hospital com uma infeção, que tinha desenvolvido na outra semana, e acabou não resistindo. Depois de meses de luta, ela já não teve mais forças, para aguentar mais essa batalha, da qual saiu derrotada, na terça-feira, 20.

Emocionado, o marido escreveu um texto comovente, em que revela todo o amor que sentia e vai continuar sentindo pela mulher da sua vida. "Eu te amo mais do que as palavras podem descrever. Você foi uma esposa tão bonita e maravilhosa para mim e a mãe mais incrível do nosso menino. Nós passamos pelo momento mais difícil possível, mas cada segundo que passei com você foi o melhor e mais precioso momento da minha vida", escreveu Ed, em um post que está viralizando na Internet.

Esperavam por tratamento experimental

Nina Cusick foi diagnosticada com câncer no intestino, após o parto do seu bebê.

Publicidade

Aos 34 anos, a mulher recebia a pior das notícias, com os médicos falando em "seis semanas de vida". O casal não desistiu e procurou um outro especialista, que apesar das dificuldades, deu outras esperanças para eles e outras medicações, que foram permitindo que ela resistisse. E, apesar de tudo, ela passou 21 meses mais com o marido, e com o bebê.

Nesse momento, o casal estava aguardando por um tratamento experimental, fora da Inglaterra, em 2017, que poderia curá-la completamente. Para isso, Ed fez um peditório e conseguiu reunir mais de cem mil libras para fazer o tratamento. Recentemente, o estado de saúde de Nina se agravou e o marido escreveu no Facebook que Nina já nem pensava nesse tratamento. Ela apenas desejava chegar na manhã do dia 25 de dezembro, para abrir os presentes, e ver a alegria no rosto de Teddy.

Foi com essa tristeza, que Ed anunciou agora, que a esposa morreu cinco dias antes de cumprir esse seu último desejo.

#Bebês