Na noite desta última terça-feira (06), duas jovens morreram vítimas de um trágico acidente automobilístico em uma rodovia na Pensilvânia, Estados Unidos. Como se não bastasse a dramaticidade de um momento como esse, uma delas identificada como Brooke Miranda Hughes, de 18 anos, realizava uma filmagem no momento do ocorrido. Ela e a amiga Chaniya Morrison-Toomey, de 19 anos, estavam dentro do veículo e faziam uma gravação com transmissão ao vivo para uma rede social.

No instante do #Acidente, Brook estava dizendo às pessoas que o seu carro tinha um pneu furado e que por isso as duas estavam dirigindo lentamente ao longo da rodovia movimentada.

Publicidade
Publicidade

Ao que tudo indica além do problema com os pneus, as luzes traseiras do veículo estavam com defeito o que fez com que o carro em baixa velocidade e sem sinalização adequada, fosse atingido por uma espécie de trator.

Com o impacto o veículo onde se encontravam as jovens foi lançado para o lado direito da pista e acabou explodindo com as duas lá dentro. De acordo com os bombeiros que compareceram ao local, as jovens morreram na hora e seus corpos ficaram carbonizados e quase não identificáveis, sendo necessário o serviço da perícia.

As cenas feitas pelas duas foram quase que instantaneamente excluídas das redes sociais, através de denúncia devido ao conteúdo inapropriado. Segundo descrição de internautas que chegaram a ver a transmissão, é possível ver algumas luzes brilhando atrás do veículo, e escutar barulhos de pneus freando, é quando o vídeo fica preto e se ouve o som da colisão.

Publicidade

A polícia que investiga o acidente usará as cenas para poder chegar a conclusões sobre o trágico acidente. Ao que parece o motorista do outro veículo não se feriu e foi atendido ainda na rodovia. Os investigadores ainda chegar à conclusão se teria sido ele o responsável pela colisão.

Um porta voz da rede social em que as imagens apareceram se pronunciou dizendo que o vídeo está suspenso e que recomenda que as pessoas denunciem e acionem as autoridades caso presenciem alguma imagem em que outros indivíduos estejam em perigo. #Tragédia