Um menino de seis anos está gravemente doente, após ter ficado 15 horas em uma varanda, sob temperaturas muito baixas. A alegação é a de que o o menino foi castigado por ter pegado alimentos sem autorização dos #pais. O incidente aconteceu em Bruxelas, na Bélgica, e foram os serviços de emergência que terminaram com o pesadelo do garoto, no final do dia 26 de dezembro.

Os médicos relataram que a criança chegou ao hospital sofrendo de hipotermia, que estava malnutrida e que seu prognóstico é ainda reservado, com o menino continuando a lutar pela vida.

Castigado por comer demais

Tempo de Natal é sinônimo de união da família e muita comida na mesa.

Publicidade
Publicidade

Infelizmente, isso não é possível em todas as casas e, em algumas, não existe nem comida, nem união.

Foi o que aconteceu na casa do menino belga, quando seus pais não viram qualquer problema em colocar uma criança na rua, durante 15 horas, sob baixa temperatura. O Inverno europeu é rigoroso, especialmente nas zonas mais ao norte, como a Bélgica, onde faz sempre muito frio e cai muita neve, nesta época do ano.

O menino sentiu isso na pele, pois estava vestido apenas com um pijama, quando foi colocado na varanda de sua casa, às cinco horas da manhã. A criança não teria ganho autorização para entrar e, só às oito da noite, é que a atuação de um serviço de emergência permitiu que o menino fosse retirado dessa varanda, possivelmente após o alerta de algum vizinho, que teria percebido essa situação desumana.

Publicidade

Pais detidos e crianças retiradas

De acordo com o jornal Mirror, a mãe do menino é francesa e tem 31 anos, enquanto que o pai é um jovem belga, de 21 anos. No entanto, essas informações poderiam não ser exatas, uma vez que a criança não está registrada na Bélgica - logo, está faltando esse comprovativo perante as autoridades.

Apesar disso e dos problemas que poderão ainda acontecer no futuro, a polícia já deteve esses pais, para investigação. O menino foi levado para o hospital, em situação muito grave, e uma irmã gêmea do garoto teria sido retirada de casa, também muito desnutrida. De acordo com a imprensa belga, as duas #crianças deveriam estar passando fome.

Durante o interrogatório, o pai do menino já assumiu que colocaram a criança para fora de casa, mas que não teria percebido a gravidade do que estava fazendo. Já a mãe teria adotado uma postura mais dissimulada e suspeita-se que ela tenha negado todas as acusações. #Castigo