Um avião da companhia Pakistan International Airlines (PIA) entrou na lista das tragédias aéreas. Nesta quarta-feira, 7, de acordo com diversas agências de notícias internacionais, ele caiu na região do Chitral, que fica no norte do Paquistão. No Brasil, o caso foi repercutido pelo G1, que cita a Reuters e a BBC em uma reportagem sobre o acidente. Até o momento, o que se sabe é que havia mais de 40 pessoas a bordo. No entanto, o número de passageiros ainda é indefinido, já que a aeronave comportava quase o dobro disso. Em entrevista dada por telefone à Reuters, um representante da polícia da comunidade de Khyber-Pakhtunkhwa revelou que a queda ocorreu a 70 Km da capital do Paquistão, Islamabad.

Publicidade
Publicidade

Ainda não se sabe se existem sobreviventes.

Até o fechamento desta reportagem, por volta do meio-dia, no horário de Brasília, o resgate ainda não havia chegado ao local. O corpo de bombeiros local já foi enviado com o aparato necessário para ajudar possíveis sobreviventes. O voo PK-661 tinha perdido o contato com os controladores ainda na manhã desta quarta. A TV Globo confirmou a queda da aeronave. A empresa já estava sendo acusada de não cumprir normas de segurança no voo. De acordo com a BBC, ela passa por diversas investigações nesse sentido.

Entre os passageiros que estavam a bordo, um nome chamou a atenção, o de Junaid Jamshed, uma estrela pop paquistanesa. Durante os anos 1980 e 1990, ele ficou famoso em todo o mundo por participar de uma banda de rock, a 'Vital Signs', que ganhou espaço importante na Europa e nos Estados Unidos.

Publicidade

No dia 29 de novembro, um avião que levava o time da Chapecoense para a cidade de Medellín, na Colômbia, caiu a apenas 38 Km do aeroporto. 71 pessoas estavam a bordo. Seis pessoas sobreviveram. O time brasileiro disputaria a final da Copa Sul-Americana. Apesar do jogo não ter acontecido, a premiação ficou com o clube de Santa Catarina. A cidade de Chapecó, onde a Chapecoense tinha sua sede, ainda vive o luto de ter perdido os seus entes queridos. #Famosos