Este ano de 2016 com certeza será marcado pelas tragédias aéreas, mas uma em especial nunca será esquecida, a queda do avião do time de futebol da Chapecoense, que aconteceu na Colômbia.

No dia 29 de novembro deste ano a queda do #avião deixou um saldo de setenta e uma vítimas fatais. O #Acidente aconteceu próximo ao aeroporto de Medellín. As investigações apontam que a tragédia foi motivada por uma pane seca.

E foi neste espírito de pânico causado por estas tragédias aéreas, que a população mundial recebeu na noite desta sexta-feira (23), a informação de mais um acidente envolvendo um avião que transportava atletas. Desta vez jogadores de futebol americano.

Publicidade
Publicidade

O grande susto aconteceu no aeroporto de Appleton, em Wisconsin, a aeronave que transportava os jogadores perdeu o controle e acabou saindo da pista. O time de futebol estava se preparando para sair de Wisconsin, local onde disputaram uma partida de futebol americano com a equipe do Green Bay Packers.

O acidente foi ocasionado devido ao mal tempo, pois nevava muito na hora que a aeronave deslizou para fora da pista. Foram muitas horas de espera para que os passageiros fossem resgatados, já que o tempo não contribuía.

De dentro mesmo da aeronave os atletas bem humorados usaram as redes sociais para tranquilizarem os familiares e os torcedores. Pelo Twitter eles escreveram que estavam bem, apesar de estarem presos dentro do avião, aguardando o resgate.

Tragédias aéreas no esporte

Vários outros acidentes aéreos envolvendo jogadores foram registrados na história do esporte.

Publicidade

Times como Torino, Manchester United, Alianza de Lima e seleções de Zâmbia e Dinamarca, chocaram o #Mundo, com este tipo de acidente.

O time Italiano do Torino se acidentou em Turim, em 1949, deixando 49 vítimas fatais.

Já a equipe do Manchester United teve ceifadas de sua equipe 23 vidas em 6 de fevereiro de 1958.

Em 7 de dezembro de 1987, o avião onde estava à equipe da Alianza Lima caiu no oceano matando toda a equipe.

Duas seleções de futebol também foram vítimas de desastres aéreos, o avião que estava a seleção de Zâmbia caiu no mar pouco após ser abastecido no dia 27 de abril de 1993, ceifando a vida de trinta pessoas. Já no dia 16 de julho de 1960, foi a seleção da Dinamarca que entrou para esta triste estatística. Trinta membros da equipe futebolística morreram, após decolar do aeroporto de Kastrup.