Nesta semana, um vídeo se tornou viral em todo o mundo. Após um acidente na cidade de Chimbote, no Peru, cachorros viraram os protagonistas de uma cena de salvamento. O motivo? O dono deles havia sofrido um acidente inusitado. O caso ganhou destaque no tabloide inglês 'The Sun'. Após beber muito, um homem acabou caindo e batendo com a cabeça. Embriagado, ele não conseguia se levantar. Ao verem a situação, vizinhos da região acharam melhor ligar para o serviço de ambulâncias. Socorristas apareceram e fizeram tudo, de acordo com os trâmites dos primeiros socorros. O que chamou a atenção, no entanto, nem foi o trabalho dos enfermeiros, mas sim os cachorros, que em nenhum momento desgrudavam da cena.

Publicidade
Publicidade

Enquanto o homem bêbado, que não teve o nome identificado, era colocado em uma maca, seus #Animais de estimação faziam uma vigília. Um dos cães chega a dar lambidas no companheiro de jornada. Ao retomar os sentidos, o beberrão tenta até se levantar da maca, mas um dos cachorros impede o movimento, pulando em cima do utensílio médico utilizado para carregar pacientes. Já o outro observa toda a cena, como quem está apreensivo, afinal, era o dono dele quem estava ali. Mesmo com o homem fazendo suas peripécias, os cães dele demonstraram aos enfermeiros que não arredariam as patas dali. O jeito visto pelos profissionais da saúde foi deixar os bichos com quem eles amavam.

Os cães então entraram na ambulância e ficaram próximos à região da cabeça da vítima do acidente. Um deles deu umas lambidas em seu rosto, que mais pareciam beijos carinhosos.

Publicidade

O outro estava mais normal, mostrando que, talvez, já estivesse acostumado a passear de ambulância por aí.

Veja abaixo o vídeo que mostra os cachorros nervosos, ao perceberem que seu dono estava machucado e que seria levado do local onde estavam. Na sua opinião, os cães tem pode de entender tudo o que acontece, assim como nós homens? Eles merecem o título de melhores amigos? Não esqueça de deixar o seu comentário. Ele é sempre muito importante para todos nós.