Na época do #Natal, as pessoas costumam se dividir entre os consumistas, sensíveis e as que, por algum motivo que as marcaram, detestam a data. Em meio a esses três grupos de pessoas espalhadas por todo o mundo, está um menino chamado Arnulfo Guerra Junior, de apenas doze anos.

O adolescente decidiu que não queria pedir um brinquedo, um game ou qualquer outro presente material, pois nada disso faria sentido se ele não tivesse ao seu lado a pessoa que lhe deu a vida. Junior escreveu uma cartinha comovente pedindo que o Papai Noel trouxesse um coração novo para a sua mãe.

Sua mãe está com uma doença grave, do qual precisa de um transplante de coração.

Publicidade
Publicidade

Ela já está na fila de transplante há um ano, mas não foi encontrado nenhum doador compatível. A pior parte ainda não é essa: a família de Junior convive com a angústia de saber que obter um transplante pode demorar até quatro anos. Ter de esperar mais três anos deixa a família dilacerada e amedrontada com a possibilidade da paciente não aguentar.

Apesar do desânimo e falta de confiança de quem tem conhecimento da história dessa família, Junior não perde sua fé. Ele está certo de que em breve sua mãe ou sua maior heroína, como ele mesmo chama, estará curada e feliz. O menino conta que todos os dias ele e seu pai oram para que a mãe se cure.

A cartinha de Junior chegou até as mãos de voluntários do Corpo de Bombeiros da cidade. O grupo se comoveu com o pedido, mas infelizmente, não podiam ajudá-lo dando o que ele pedia, então decidiram lhe dar um pouco de alegria e compraram presentes para ele, como bicicleta e alguns brinquedos.

Publicidade

O #Vídeo repercutiu em todo o mundo, inclusive em programas de TV da América do Sul e do Norte, e tem comovido muitas pessoas que adorariam ajudar o jovem e sua mãe, mas nesse caso, o dinheiro não pode ajudar.

Os presentes não atendem ao maior pedido do jovem, mas puderam colocar um sorriso em eu rosto, ainda que por pouco tempo. Enquanto isso, Junior continua sendo um símbolo de força, confiança e fé, na espera incansável pela notícia que ele mais anseia em sua vida: sua mãe está curada!

Assista ao vídeo sobre o caso:

#É Manchete!