Diariamente, vídeos trazendo profecias de pastores tornam-se virais na internet. Recentemente, um ##Pastor da África do Sul disse que curava os seus fiéis usando um tipo de inseticida. Segundo ele, esse inseticida poderia curar doenças como a Aids e até mesmo o Câncer.

Esta semana outro pastor virou manchete no mundo ao afirmar que poderia aumentar o pênis de um homem usando apenas as suas mãos. Em um #Vídeo, ele aparece acariciando as partes íntimas de todos os membros da igreja. Pois bem, outro pastor, também da África do Sul, está causando controvérsia ao afirmar que ressuscitou um menino que estava morto.

O pastor da igreja evangélica na África do Sul, identificado como Shepherd Bushiri, afirmou que o vídeo é prova de que ele ressuscitou um menino logo após médicos terem afirmado que a criança estava morta.

Publicidade
Publicidade

O #Vídeo foi feito dentro de uma igreja evangélica em Pretória, na África do Sul. Nele, o líder religioso aparece carregando um menino que, segundo ele, estaria sem vida.

No vídeo é possível ver o pastor caminhando ao rendor da multidão. Além disso, as cenas mostram a criança sendo ungida com um óleo que o pastor chama de Leão de Judá.

Veja o vídeo abaixo e tire suas próprias conclusões:

Embora o momento exato em que, o menino acorda não seja visto no vídeo, o "profeta" Bushiri anteriormente provocou polêmica ao afirmar que Deus tinha lhe dado um jato particular e que só ele podia ver. Ele também postou um vídeo mostrando que podia andar no ar. Entretanto, mais tarde descobriu-se que o suposto vídeo era falso, porque algumas pessoas conseguiram enxergar no vídeo a sombra de uma pessoa que o segurava.

Publicidade

De acordo com o portal de notícias “Daly Sun”, no mês passado o pastor Bushiri foi manchete novamente, quando seus fiéis queixaram-se de que ele havia prometido dinheiro para construir uma igreja em Midrand, mas nenhuma edificação foi construída. No entanto, a igreja atualmente funciona em um local alugado em Pretoria North.

Shepherd Bushiri é considerado um pastor "pop" no mundo. Ele possui uma página no Facebook, onde posta fotos ostentando seus bens.