Quem não se lembra de ter visto fotos do "bandido gato" circulando pelas redes sociais? Jeremy Meeks foi preso em 2014, nos Estados Unidos, e suas fotos viralizaram na internet. O rapaz ficou conhecido como o "maior bandido gato" de todos os tempos. Na época, Jeremy foi preso por posse criminosa de arma de fogo, após uma série de tiroteios e roubos na Califórnia (EUA).

Jeremy fez tanto sucesso que, inclusive, foi alvo de muitos memes nas redes sociais. Devido à fama, o galã foi solto em março de 2016 e, com isso, o bandido gato assinou um contrato com a agência de modelos White Cross Management.

Publicidade
Publicidade

No Instagram, Jeremy possui mais de 624 mil seguidores, e ele adora exibir suas conquistas em fotos publicadas diariamente, tudo conquistado graças ao seu sucesso como modelo. O "bandido gato" ostenta sua mansão, carro e viagens que faz ao lado da esposa e filhos.

O galã é casado e tem dois filhos. Foi criado em uma família humilde e se tornou criminoso após se envolver com uma gangue muito famosa em Los Angeles. A esposa de Meeks não tem nenhum envolvimento com a vida criminosa que o marido teve. Ela trabalha com enfermeira e também cuida dos filhos nas horas vagas.

Após o período em que esteve preso, Jeremy se empenhou para recomeçar a sua vida, e aproveitou todas as oportunidades que apareceram.

Publicidade

Jim Jordan é seu empresário pessoal e afirma que várias ofertas de trabalho do mundo todo aparecem para o galã. E ele não costuma recusar nenhuma.

Ao contrário do que todos pensam, "Jeremy não é uma pessoa má, ele é um homem de família", garante o empresário. Segundo a mãe do galã, o que o livrou da vida de criminoso foi o amor pela família.

Em uma entrevista dada na época de sua prisão, Jeremy afirmou que não era nenhum monstro, apesar de todos os erros cometidos. "Eu só gostaria que as pessoas soubessem que esse não sou eu, não sou nenhum rei do crime", declarou.

O modelo reconhece que todo esse sucesso só aconteceu "graças" a sua prisão em 2014, mas ele se diz arrependido e que jamais voltará a agir fora da lei novamente. #Curiosidades