Uma carreta foi partida ao meio por um #Acidente assustador, que aconteceu em North Salt Lake, no estado de Utah, Estados Unidos.

Uma câmera registrou o momento exato dessa colisão assustadora, ocorrida na manhã do último sábado (21). As imagens mostram perfeitamente tudo que aconteceu.

Aparentemente, a carreta pertence a uma transportadora de encomendas que atravessava a via férrea quando foi atingida em cheio por um #trem de passageiros.

De acordo com a autoridade local, as cancelas, que são responsáveis por paralisar o tráfego ou liberar a passagem, não funcionaram corretamente. Essa falha gravíssima foi a responsável pelo acidente.

Publicidade
Publicidade

A cancela funciona como um semáforo. É ela quem determina se o condutor poderá atravessar a linha de ferro ou não. Se a cancela não funcionar corretamente, o acidente pode ser fatal.

Ainda de acordo com as autoridades, as sirenes, que são responsáveis por emitirem um efeito sonoro, não foram acionadas na hora certa, o que também pode ter contribuído para que o acidente acontecesse.

Só depois que aconteceu o acidente que as sirenes funcionaram de forma correta. Outros veículos que estavam no local, por pouco, não foram atingidos.

O impacto foi fortíssimo, deixou a carreta puxada pelo caminhão totalmente destruída. Apesar do forte impacto, ninguém ficou ferido.

É possível ver no vídeo que nevava levemente. Por esse motivo, uma investigação será instaurada, para que, dessa forma, os peritos possam determinar se a nevasca poderia, de fato, ter contribuído para que o acidente acontecesse.

Publicidade

Somente após essa apuração, os peritos poderão determinar se existe relação entre a nevasca e o acidente ocorrido na linha férrea.

Escapar ileso de um acidente dessa proporção é um verdadeiro milagre.

Atravessar uma linha férrea é realmente arriscado, mas acidentes podem ser evitados se os motoristas respeitarem a sinalização feita pela cancela. Porém, se a cancela “cometer” uma falha, o acidente poderá ser fatal, com consequências terríveis.

Confira abaixo o vídeo que mostra o momento exato do acidente.

#Estados Unidos