Na manhã deste domingo, 29, um tigre devorou um homem que visitava o zoológico 'Youngour Widlife Park', localizado na cidade de Ningbo, na China. Ao que se sabe, o ataque do animal feroz aconteceu depois que o homem entrou na jaula, o que é proibido. Diferente de outros zoológicos, neste, a pessoa tem um contato maior com os animais, que ficam soltos. O local, que recebe milhares de turistas todos os anos, fica a 200 quilômetros de Xangai. Outros turistas que estavam no 'Youngour Wildlife Park' gravaram as cenas, que exibem o exato momento que o homem é atacado. Nas imagens, os visitantes mostram-se aterrorizados com a cena, mas não param de ver o que acontece.

Publicidade
Publicidade

É possível ver alguns policiais passando, mas esses não mostram desespero, já que não havia muito o que fazer.

Para afastar os tigres do local, os seguranças chegaram a usar jatos d'água e bombinhas. Os paramédicos, como mostra um famoso site da China, chegaram a tentar levar o homem para o hospital, mas já era tarde e ele não havia resistido aos ferimentos. O turista estava no zoológico com a família, ao lado do filho e da esposa, que também assistam ao ataque. Ainda não há informações sobre como e porque o homem teria entrado justamente na jaula dos tigres.

Não é a primeira vez que um caso do tipo ganha o noticiário chinês. Em julho do ano passado, por exemplo, uma mulher que passeava de carro em um safari, na cidade de Pequim, acabou decidindo sair do veículo. Ela foi atacada, arrastada e morta por dois tigres.

Publicidade

É preciso lembrar que ambas as ações ocorreram porque as pessoas não respeitaram as regras do zoológico.

Veja abaixo o vídeo que mostra o homem sendo devorado pelo tigre. Atenção, as imagens a seguir podem ser consideradas fortes por algumas pessoas. Por isso, deixamos ao leitor o alerta. Na sua opinião, o homem estava tentando uma tática suicida, ou ele fez isso de maneira fora de si, por um descontrole, por exemplo? Não esqueça de deixar o seu comentário. Ele é sempre importante para todos nós e ajuda a estabelecer o diálogo a respeito do tema.

ATENÇÃO: IMAGENS FORTES

#Bizarro #Crime