Uma boliviana de 52 anos e seus dois filhos, ambos adultos, foram amarrados em uma árvore, conhecida como "pau de santo", como uma punição por tentarem roubar carro. O fato aconteceu na cidade amazônica de Caranavi, que fica 156 Km da capital La Paz. Segundo informações, o linchamento aconteceu no sábado (31), mas só foi divulgado na quarta-feira (04). A boliviana e seus dois filhos primeiramente foram espancados e depois já bem debilitados, foram amarrados na árvore. No tronco haviam muitas #Formigas venenosas e a intenção da multidão era que eles sofressem por causarem transtornos na vida dos moradores.

Infelizmente, quando a polícia chegou, a situação dela era muito grave e ela acabou morrendo no hospital.

Publicidade
Publicidade

Seus filhos sofreram ferimentos, mas passam bem.

Segundo os filhos dela, eles só foram até a cidade para cobrarem dívidas e não são ladrões. A Polícia agora irá investigar o caso.

Formigas

As formigas venenosas picaram a traqueia, provocando uma infecção e impossibilitando que ela respirasse. De acordo com a advogada, Roxana Bustillos, a mulher teve uma broncoaspiração. "Foi um ato errado e de grande barbárie", ressaltou a advogada. Roxana ainda comentou que não foram preservados o respeito, o direito e as garantias constitucionais da família.

Linchamento

Os casos de linchamentos são comuns nessa região, principalmente na área rural dos vilarejos. Conforme dados da Defensoria Pública do País, em 2015, ocorreram 32 tentativas de linchamentos e foram constatadas cinco mortes.

Alguns cidadãos comentam que o espancamento é um tipo de "Justiça Comunitária" e que está respaldado na Constituição Boliviana, do ano de 2009.

Publicidade

Mas as autoridades do País disseram que as mortes e os castigos brutais não são permitidos e são proibidos pelo sistema judiciário boliviano.

Essa fúria dos moradores é um tipo de revolta ao verem que, em várias circunstâncias, a polícia não consegue resolver os casos. E a justiça acaba sendo feita em conjunto pela população. O único problema é quando um simples caso de roubo se transforma em morte. #Bolívia #Morte