Estourou a guerra entre o ex-casal sensação de Hollywood. #Angelina Jolie e #Brad Pitt, antes os queridinhos da América, estão fazendo feio no Tribunal. Em causa, está a luta pela guarda dos #Filhos e os dois não estão se poupando nos esforços para levarem a melhor, um sobre o outro, agora na hora da separação. Angelina Jolie está levando a vantagem e foi ela quem ficou temporariamente com as crianças, mas em Tribunal, ela está acusando fortemente o ex-marido, dizendo que ele está "aterrorizado" com a verdade que vai sair no Tribunal.

Quando foi anunciada a separação de um dos casais mais famosos do mundo, sobraram logo algumas preocupações, especialmente, sobre os seis filhos do casal.

Publicidade
Publicidade

Para começar, Maddox, um dos três filhos adotivos do casal Jolie-Pitt, e que teria sido pivô nesse divórcio. Mas se Maddox, de 15 anos, é o mais velho dos filhotes do casal, existem ainda Pax, de 13, Zahara, de 11, e os filhos biológicos deles: Shiloh, de dez anos, e os gêmeos Knox e Vivienne, de oito anos. Nesse momento, os meninos estão todos com a mãe e Brad só os viu na presença dos terapeutas das crianças.

O pai está sendo tratado como presumível agressor de um deles. Alegadamente, e de acordo com as acusações, Brad Pitt teria agredido fisicamente Maddox, quando eles viajavam a Paris. Teria sido aí o ponto final de uma das mais belas histórias de amor de Hollywood. Angelina Jolie não teria tolerado o comportamento agressivo do marido, e teria pedido aí o divórcio, e para ficar com a custódia dos meninos.

Publicidade

O ator deverá responder em Tribunal, mas, de acordo com os documentos entregues, não vai ser fácil. A advogada de Jolie, Laura Wasser, diz que Brad Pitt está tentando empurrar as culpas para a ex-mulher, de forma a "obscurecer a verdade" sobre o que aconteceu.

De acordo com os documentos publicados pelo jornal Daily Mail, Wasser revelou que Brad Pitt pediu, em Tribunal, para que todos os registros e informações sobre os filhos, ficassem "legalmente selados", ou seja que ninguém tivesse acesso a eles. O ator teria pedido isso, alegando o direito à privacidade das crianças, mas Jolie tem outra ideia. Para ela, Brad está apenas tentando proteger a ele mesmo, temendo que as pessoas descubram o que ele realmente fez, caso as declarações das crianças fossem publicadas, e isso afetaria negativamente a sua reputação.