O corpo de um menino de dois anos foi encontrado em um rio. Foi por volta das 11h15 da manhã deste domingo, dia 19, que a #Família reportou o desaparecimento da criança, de casa, em Perthshire, na Escócia. O helicóptero da polícia e o pessoal do serviço escocês de bombeiros e resgate estiveram envolvidos em uma busca completa pela área junto com policiais. Pouco mais de uma hora depois de ter sido dada como desaparecida, a criança aparecia no rio Ericht, perto da casa, por volta das 12h35.

O menino foi removido da água pelo pessoal de bombeiros e tratado por paramédicos, que tinham assistido à cena com a ambulância aérea.

Publicidade
Publicidade

No entanto, apesar de todos os esforços, o menino morreu. Em comunicado, a polícia da Escócia disse: "Tragicamente, o menino não sobreviveu. Sua família está sendo apoiada por ovários profissionais neste momento".

Ainda não se sabe muito sobre essa tragédia, que poderia ter sido um acidente com a criança. A polícia vai agora investigar o incidente, e a identidade da família e do menino ainda não foram reveladas, por proteção de sua privacidade. Nesse momento, são várias as pessoas que se unem na dor de toda a família por essa perda indescritível, e que vão enviando algumas palavras de simpatia para eles.

John Swinney, deputado no parlamento por Perthshire escreveu no Twitter: "Notícia dolorosa do Rio Ericht, na Ponte de Cally. Minhas mais profundas condolências a todos os envolvidos".

A conselheira local Liz Grant acrescentou que essa perda é "devastadora" não só para essa família, como para toda a comunidade, que está sentindo essa morte desse menino.

Publicidade

"É uma comunidade muito pequena", referiu. Centenas de homenagens foram recebidas nas redes sociais. "Nossos pensamentos e orações estão com a família do menino encontrado no rio Ericht. Nossos mais profundos pêsames", vão escrevendo as pessoas. "Devastador. Pobre garotinho, pensamentos estão com a sua família e amigos, em dificuldade neste momento muito triste. Apenas trágico. Voe alto, anjo", escreveu uma outra usuária.

Flores foram deixadas no local da tragédia durante o dia. A investigação vai continuar. #Casos de polícia #Bebês