Com lançamento marcado para 7 de março nos Estados Unidos, o livro sobre ovnis/UFOs e alienígenas: Sekret Machines: Gods, escrito pelo ex-guitarrista do Blink-182, Tom DeLonge, já repercute na mídia antes mesmo da publicação.

Em entrevista à revista Rolling Stone, edição de terça-feira (7), DeLonge revela que o conteúdo apresentado na obra foi elaborado a partir de entrevistas com cientistas, engenheiros, oficiais de inteligência e oficiais militares.

Segundo o roqueiro, as informações contidas em Sekret Machines, fará os leitores reavaliarem os estereótipos dos UFOs e de fenômenos correlatos.

Embora detalhes da obra continuem desconhecidos, ao menos até o dia do lançamento, DeLonge argumenta que a pesquisa sobre o tema, efetuada com ajuda de outros escritores, promete romper dogmas religiosos.

Publicidade
Publicidade

“Este livro não é apenas uma nova abordagem do Fenômeno - tratando-o como um dado -, mas uma nova abordagem da religião que dá uma olhada nos textos religiosos e ideias de todo o mundo para discernir os vestígios de um evento que nos mudou para sempre”, explica à Rolling Stone.

Além de trabalhar em parceria com Peter Levenda, autor de livros sobre ocultismo, o artista também contou com a contribuição do francês Jacques Vallée, cientista da computação e um dos mais influentes autores sobre ovnis.

Conforme Vallée, o assunto é tratado como tabu pela sociedade global e autoridades.

"Os avistamentos foram ignorados pelos acadêmicos, sumariamente esquecidos pelos políticos, censurados pelas igrejas, classificados pelos militares e ridicularizados pela mídia", comenta.

No entanto, apesar dos governos tentarem desinformar a população sobre a realidade extraterrestre, o pesquisador francês acentua o aumento da curiosidade sobre o tema, no século XXI.

Publicidade

“A experiência do desconhecido só se aprofundou, levantando questões inquietantes sobre a intrusão da estranheza em nosso moderno mundo brilhante de máquinas convenientes e entretenimento superficial", destaca.

DeLonge confessa à revista norte-americana a origem de boa parte das informações.

Conforme o ex-Blink182, elas foram obtidas por meio de conversas com membros da indústria aeroespacial, do Departamento de Defesa e da NASA.

Até o momento, não há notícias se o livro será lançado em outros países, ou se a divulgação ficará restrita aos #EUA. #Curiosidades #Internet