Casos de abuso sexual são muito comuns no Brasil e no mundo. Nesta semana, o site inglês 'The Mirror' noticiou um #Crime envolvendo uma mulher de 28 anos. Ela acabou indo parar na cadeia depois que foi acusada de estuprar dois jovens rapazes, um de 12 anos e outro de 14. A mulher convenceu os dois adolescentes de irem com ela até o banheiro de um memorial de guerra, onde o sexo ocorreu.

Publicidade

O caso aconteceu no estado da Flórida, nos #Estados Unidos. A criminosa foi identificada como Maria Lynn Baker. Além de realizar o estupro, a mulher gravou toda a cena. Em seguida, ela tentou vender o conteúdo perverso com crianças para uma outra jovem, que não aceitou comprar o material pornográfico com os dois meninos.

Uma das pessoas que foi abordada por Maria Lynn foi uma detetive, identificada como Melissa Buetti. Ela trabalha para o departamento de polícia da Flórida e não acreditou no tipo de material que a jovem queria vender a ela. Ao perceber que a mulher vendia pornografia com menores, a detetive chamou reforço. Os seguranças do memorial foram chamados e, não demorou muito, todos perceberam que, além de vender os vídeos voltados ao público acima de 18 anos, a mulher, assim como os menores, era protagonista das imagens de sexo.

A criminosa é uma moradora de rua e está desde 2006 dormindo na região onde fica o memorial de guerra. Ela já é conhecida dos policiais da região, mas eles não imaginavam o que ela fazia dentro do local.

A mulher foi presa no dia 11 e não quis dar nenhuma entrevista sobre o caso a imprensa local. A polícia agora investiga se ela teve relações íntimas com outras pessoas, especialmente menores, no memorial. Apesar de ser uma moradora de rua, a mulher estava bem arrumada. Ela agora aguarda o seu julgamento, que não tem previsão para acontecer.

Crimes como esse, nos Estados Unidos, dependendo do estado, e de sua gravidade, podem levar o criminoso a muitos anos na cadeia, passando até a prisão perpétua e, caso somado a outras infrações, podem chegar até a pena de morte. #Investigação Criminal