Um homem foi preso em uma operação realizada pela Polícia Federal na madrugada desta quinta-feira (2), acusado de violentar sexualmente sua própria filha, uma criança, e ainda divulgar as imagens dos abusos em sites internacionais. O homem foi preso em casa e todo material utilizado por ele para confecção das imagens foi apreendido.

Na casa do acusado foi encontrado um número muito grande de fotos que comprovaram os abusos dele contra filha, e também de muitas outras crianças sendo exploradas, não por ele, mas por outros pedófilos.

A polícia contou que diante das provas o homem confessou o #Crime, a idade atual da criança não foi revelada, para preservar a garota, porém de acordo com os oficiais, conforme as provas, a criança tinha no máximo 05 anos quando os abusos foram cometidos.

Publicidade
Publicidade

A investigação do caso começou nos Estados Unidos, quando uma ONG chamada NCMEC, o órgão é responsável nos Estados Unidos por todo material que usam imagens de crianças com conteúdo sexual. A NCMEC que encaminhou todo material para Interpol, que suspeitou que os abusos contidos nas imagens tivessem sido cometidos no Brasil, e encaminhou então o material para a Polícia Federal.

Todo conteúdo chegou para os policiais federais no dia 11 de janeiro deste ano. Os oficias intensificaram as investigações para descobrir a origem das imagens, E descobriram que foram confeccionadas no Espírito Santos, sul do Brasil. Os agentes identificaram e localizaram o suspeito, realizando sua prisão.

O delegado Federal, Leonardo Rabello que está à frente do caso, informou que o que deixou a equipe mais perplexa foi o fato de ser um incesto, onde o próprio pai abusou de uma criança sendo sua própria filha, e ainda divulgou as imagens do crime na internet.

Publicidade

O acusado que não teve a identidade revelada encontra-se preso a disposição da justiça, ele responderá pelos crimes: estupro de vulnerável, produção de imagens sexuais envolvendo menores, e também da divulgação dessas imagens.

Leonardo Rabello informou que em posse das imagens a polícia intensificou as investigações para poder chegar o mais rápido possível no suspeito, que foi detido em sua casa na Grande Vitória (ES).

#Investigação Criminal