Atualmente, muitas vezes, acabamos sendo escravos da tecnologia e da informação. É comum, por exemplo, nos perdemos por conta da falta de um GPS que funcione de maneira adequada. Notícias de pessoas que acabaram entrando em locais errada por conta do aparelho que deveria levar ao destino certo são até comuns. No entanto, não é toda hora que vemos um piloto de helicóptero atrapalhado por conta desse tipo de sistema. De acordo com informações do site internacional da BBC, um profissional do Cazaquistão decidiu fazer um pouso extraordinário por algo bem simples, uma informação.

O piloto, que estaria em um helicóptero militar, participava de um exercício que visava, justamente, a orientação no ar.

Publicidade
Publicidade

No entanto, por conta de uma nevasca, ele acabou ficando completamente perdido. Sem ter o que fazer, ele decidiu pousar e pedir uma ajudinha a um caminhoneiro que passava na região no momento da falha do equipamento. O Ministério da Defesa do Cazaquistão, em contato com a BBC, confirmou que o piloto, de fato, pousou para pedir uma referência de destino ao caminhoneiro e que foi bem recebido pelo motorista experiente. “Como eu faço para chegar em Aktobe?”, questionou o militar ao profissional das estradas.

A informação ainda foi dada de maneira bastante rápida, como pode ser visto em um vídeo de uma câmera de um cinegrafista amador, que provavelmente não acreditava na cena que estava vendo e decidiu registrar tudo. O pouso do piloto na estrada não causou maiores estragos e, segundo o Ministério da Defesa daquele país, após a ajuda do caminhoneiro, o bravo e insistente piloto chegou a seu destino final.

Publicidade

Assista abaixo ao vídeo que mostra o momento que o piloto de um helicóptero decidiu fazer um pouso para pedir informações a um caminhoneiro. Na sua opinião, esse profissional da aviação agiu da maneira correta, ou isso poderia ainda colocar mais perigo em sua viagem aérea? Não esqueça de deixar seu comentário. A sua mensagem é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes.

#É Manchete!