Uma #enfermeira, que cuidava de um #idoso de 100 anos de idade em um asilo e que sofre de demência, acabou sendo flagrada em vídeo fazendo uma dança sensual e #Strip Tease para o senhor que estava deitado na cama. Nas imagens, a moça aparece de bumbum empinado em direção ao idoso e começa a tirar sutiã e calça. Em seguida, a jovem, dançando sensualmente, passa a falar palavras de cunho sexual para o idoso de cem anos. A enfermeira se chama Brittany Fultz, de 26 anos de idade, e de acordo com a emissora “KFOR”, a moça que reside na cidade de Providence, em Ohio, nos Estados Unidos, já foi condenada pela justiça americana por agressão sexual contra incapaz.

Publicidade
Publicidade

Eu posso mostrar coisas novas a você. Eu sou uma garota, você sabe o que isso significa”, diz Brittany, enquanto dança na frente do idoso. Em certo momento do vídeo, a moça se aproxima do senhor centenário e passa a esfregar as suas pernas desnudadas nas pernas do idoso. Acompanhe o vídeo que já foi divulgado nas redes sociais, no entanto, com as partes mais ‘quentes’ sendo cortadas.:

No vídeo, Brittany aparece acariciando os próprios seios, dançando e tirando a roupa vagarosamente, enquanto o idoso permanece deitado em uma cama. As imagens foram feitas em dezembro de 2016 e só vieram a vazar agora em 2017. Ao saber do caso, os responsáveis pelo asilo logo demitiram a moça que inclusive já foi presa. Os advogados de Brittany afirmaram que a sua cliente não tinha a intenção de provocar nenhum dano ao idoso e muito menos ofender a integridade física e moral dele, mas sim, ela e a sua amiga, naquele momento, estavam apenas se divertindo em alguns minutos de brincadeira, para alegrar o espaço.

Publicidade

Já com relação à outra funcionária, que estava no mesmo quarto em que estava acontecendo a dança sensual para um idoso de 100 anos, a “KFOR” conta que ela não irá sofrer nenhuma consequência judicial dos Estados Unidos. No entanto, o jornal não conta se essa segunda moça foi demitida ou continua trabalhando no mesmo lugar.

A família do idoso não veio à público para se expressar sobre esse caso.