Na cidade de Chennai, capital do estado de Tamil Nadu, na Índia, um caso médico chocou o país e também o mundo. Uma mulher de 42 anos, identificada como Selvi, procurou ajuda médica por estar sentido forte dores de muita queimação em uma região da cabeça. Ela também chegou a dizer que sentia como se algo estivesse se mexendo em seu crânio.

Após um exame de imagem feito pelos médicos, o motivo do problema foi encontrado. Selvi foi levada imediatamente à uma mesa de cirurgia para um procedimento que durou aproximadamente 45 minutos e retirou de seu crânio uma barata viva. O inseto estava preso no espaço entre os olhos da paciente.

Publicidade
Publicidade

As imagens da extração mostram o momento que o bicho foi retirado por uma das narinas da mulher.

Moradora da Injambakkam, uma vila localizada no distrito de Kancheepuram, que fica localizado no estado de Tamil Nadu, Selvi contou que quando o animal se mexia ela sentia uma queimação na região dos olhos. Segundo os médicos, se a barata não fosse retirada posteriormente ela morreria e provavelmente viria a causar uma infecção próxima ao cérebro da paciente.

A mulher diz não fazer ideia de como o bicho foi parar no local de onde foi retirado. Um caso parecido com esse aconteceu na China na China, na cidade de Huaihua, onde uma mulher, que pediu para que seu nome não fosse revelado, foi para no pronto-socorro por ter uma barata viva dentro do ouvido.

Segundo informações do jornal britânico The Mirror, a paciente disse que podia sentir algo se movendo dentro do ouvido, mas não sabia o que era.

Publicidade

Antes de procurar ajuda médica ela tentou retirar o bicho com um cotonete, mas acabou o empurrando ainda mais para dentro. Ela então se dirigiu à emergência reclamando de fortes dores de ouvido.

No local os médicos constaram que havia uma barata viva dentro do canal auditivo da mulher. A paciente foi levada para o procedimento de extração que acabou sendo delicado, uma vez que para retirar o inseto de lá os médicos tiveram que aplicar substâncias químicas no local, o que fez a barata se mexer ainda mais.

Após um tempo a extração foi bem sucedida e segundo Meng Ji, médico responsável pelo procedimento, o inseto ainda estava vivo quando foi retirado do ouvido da mulher. Veja o vídeo

#mulheres #Curiosidades #Medicina