Um acidente gravíssimo aconteceu no #Chile, na sexta-feira (03). Um caminhão cruza os trilhos da linha férrea e bem no momento passa um #trem em alta velocidade. O impacto foi enorme e chegou a dividir o caminhão ao meio. O trem viajava de Concepción a Santiago e na cidade de Requínoa houve a colisão.

Publicidade

Nas imagens podemos ver a cabine do caminhão se separando do restante do veículo. O motorista do caminhão chegou a ser socorrido com vida, mas morreu horas depois. O auxiliar do maquinista morreu na hora. A parte da frente da locomotiva ficou totalmente destruída.

Veja o vídeo do #Acidente flagrado pelas câmeras de segurança da estação::

Acidente parecido

Em 2013, um acidente parecido com esse aconteceu praticamente no mesmo local. Na época, duas pessoas morreram e oito ficaram feridas. A Empresa Ferroviária do Estado (EFE) confirmou a morte do maquinista e do seu ajudante. O trem se dirigia da cidade de Rancagua a San Fernando e bateu contra um caminhão que passava pela linha férrea.

A parte da dianteira do trem ficou destruída. Polícia e equipe de resgate estavam tentando ajudar os feridos.

De acordo com as investigações, o caminhão era de uma empresa de material para construção e tentava cruzar a pista, mas infelizmente o motorista não teve a atenção necessária e não respeitou a sinalização.

A visão do motorista naquele momento era tranquila, pois não havia curvas no local, inclusive foi descartado um problema mecânico.

O acidente ferroviário mais grave de todos os tempos, no Chile, foi em 1986. Naquele ano, 60 pessoas morreram com o choque de dois trens.

Impressionante

Do outro lado do mundo, a Austrália teve cenas impressionantes em seu porto. Um barco de passageiros sofreu com uma forte tempestade. Ondas gigantes balançavam o barco, chegando a 4 metros.

Dois tripulantes chegaram a cair no mar, derrubados pelas ondas. Foi um grande pavor entre os passageiros.

O tamanho das ondas atraiu surfistas para a região.

O que mais impressionou é que o barco não estava em alto-mar e sim próximo ao porto de Sydney. Um paredão de água assustou as pessoas.