A expressão “mar de gente” ganhou contornos trágicos na madrugada deste domingo (12), no município argentino de Olavarría. Duas pessoas morreram pisoteadas após uma confusão durante uma apresentação musical que contou com um público impressionante: 550 mil pessoas, segundo o jornal ‘La Nacion’.

Os mais de meio milhão de espectadores foram ao local para assistir o show do cantor Indio Solari. A organização e os fiscais do evento se surpreenderam com o comparecimento em massa. Com o local superlotado, o pior aconteceu. Um homem morreu por politraumatismos e o outro por uma parada cardiorrespiratória. Ambos ficaram sem condições de se defender diante de uma correria generalizada que aconteceu após uma confusão, na terceira música da apresentacão.

Publicidade
Publicidade

Em entrevista ao Jornal ‘La Nacion’, o subsecretário de Saúde da província, que fica em Buenos Aires, Germán Maroni, disse também que há mais feridos.

A promotora de Olavarría, Susana Alonso, informou que uma mulher encontra-se internada na UTI em estado grave. Para a mídia ela considerou que a capacidade do espaço ‘estava superada’ em muito.

Peritos analisaram as imagens aéreas, captadas por drones e concluíram que pelo menos 550 mil pessoas se amontoavam em um espaço com capacidade para menos da metade: 200 mil.

A apresentação não era gratuita, o que é ainda mais grave para os organizadores, já que foi constatado pela promotora que não houve limite na venda de ingressos.

Também há indícios de falhas nas segurança, pois muitos espectadores teriam entrado na apresentação de forma clandestina, sem ingressos.

Publicidade

Muitos dos que compraram os convites acabaram tentando sair do espaço logo após a primeira música, em função da impossibilidade de permanecer na área superlotada.

Ainda não foi divulgado o número preciso de feridos, mas o jornal ‘Clarín’ apontou que o Hospital Municial Dr. Hector M. Cura está sobrecarregado por conta da grande quantidade de pessoas encaminhadas do show.

Um dos feridos foi socorrido com um corte na cabeça. Uma jovem passou mal devido intoxicação. Há ainda dois rapazes com traumatismos e uma mulher com ferimentos no abdômen. Uma outra paciente teve de ser internada após estresse neurológico.

#Crime #Investigação Criminal