Quando vemos uma campanha de lançamento de uma coleção de lingeries, praticamente em todas as vezes as propagandas apresentam mulheres novas, e ainda são utilizadas ferramentas de edição de imagem nas fotos das modelos.

Entretanto, existe uma empresa da Nova Zelândia chamada Lonely Label (algo como "Etiqueta Solitária", em tradução livre) que vai na contramão deste modo de divulgação, dando preferência a modelos de todos os tamanhos, cores e etnias para mostrar seus produtos.

Além disso, a marca faz questão de dar os mínimos retoques em seus anúncios, e em uma nova campanha, a empresa está divulgando sua nova coleção de lingeries usando a imagem da modelo Mercy Brewer, de 56 anos de idade.

Publicidade
Publicidade

Valorizando a beleza da mulher madura

De acordo com o site britânico Metro, a co-fundadora e designer da Lonely Label, Helene Morris, afirmou que uma das motivações de sua empresa é desafiar aquilo que é atualmente visto na mídia "com um reflexo mais autêntico de #Beleza", na esperança de aumentar "o vocabulário visual das pessoas".

Morris ressaltou que as indústrias de beleza e de #Moda são extremamente obcecadas com a juventude, e esquecem-se da realidade de que "estamos todos envelhecendo". Segundo a empresária, existem muitas coisas maravilhosas no ato de envelhecer, mas infelizmente as indústrias citadas por ela acabam passando a mensagem de uma necessidade "frustrante" de realizar algum tipo de "intervenção" para parar ou reverter este processo tão "natural e inevitável".

Mercy Brewer, que é a estrela da nova campanha da Lonely Label, é uma escocesa que vive na Nova Zelândia e faz trabalhos na área da moda desde a década de 1980.

Publicidade

Para a realização da propaganda, a empresa foi até a casa da modelo de 56 anos, onde o fotógrafo Harry Were registrou as imagens para a criação de um anúncio que comemorasse "a beleza de envelhecer".

Ainda segundo o site Metro, Mercy está esperançosa em uma mudança no modo como as pessoas veem os padrões de beleza, e disse que as percepções a respeito daquilo que é considerado bonito sempre acabam mudando. A bela modelo de 56 anos declarou:

"Eu acredito que estamos em um momento no tempo em que a beleza das mulheres mais velhas tem sido uma revelação surpreendente. Se nós não reconhecermos isso, nós, cada um de nós, negaremos a nós mesmos um futuro pelo qual esperamos ansiosamente".