O mundo está cada vez mais perigoso e não sabemos quando vamos ser mais uma vítima dessa violência. Seja na rua, na escola, ou até mesmo dentro de casa, os riscos de ser atacado por um maníaco ou ser assaltado só aumentam a cada dia. Somos refém do medo e a cada dia fica mais difícil sobreviver em um mundo tão violento.

Como um caso que aconteceu no dia 6 passado na Inglaterra, mas que foi divulgado nesta sexta-feira (17). A polícia está a procura de um homem que arrastou uma jovem para a calçada antes de tentar estuprá-la na frente dos motoristas que passavam pela a rua. O acusado seguiu a garota de 22 anos de dentro do ônibus até perto de um supermercado em Dagenham, no Leste de Londres, antes de agarrá-la pelas costas e jogá-la ao chão.

Publicidade
Publicidade

Tudo foi flagrado por câmeras de segurança de estabelecimentos próximo ao local onde a tentativa de abuso aconteceu. As filmagens mostram o homem perseguindo a moça entre os carros que estavam estacionados na rua.

Quando a vítima se distrai, ele, então, empurrou a jovem e tentou abrir a roupa da mulher. No vídeo dá pra ver claramente ele abrindo sua calça jeans na intenção de #abusar dela ali mesmo na frente de pessoas que passavam na rua movimentada. Assista:

Em seguida, ele parte pra cima da vítima, que disfere vários socos e grita desesperada pedindo ajuda, até que um motorista que passava pelo o local avistou o ataque e parou para ajudar a moça.

#O estuprador aparentava ter uns 30 anos, cabelos claros e uma barba castanha curta, vestia uma blusa cinza com uma camisa branca por baixo e jeans azul.

Publicidade

Segundo o detetive Matt James, que está à frente das investigações, a mulher ficou muito abalada depois de ter sofrido esse ataque. Mas ela foi capaz de gritar para pedir ajuda e, dando socos e chutando, conseguiu afastar o homem de cima dela.

Na tentativa de capturar o acusado, a polícia divulgou o vídeo e pede ajuda a todos que testemunharam o ataque. "Estamos ansiosos para identificar o homem nas filmagens para que possamos falar com ele sobre o incidente", disse o detetive. #estuprá-la