Mary Beth Haglin, de apenas vinte e quatro anos, ao contrário do que costuma acontecer em casos semelhantes, resolveu se entregar às autoridades por estar envolvida sexualmente com um aluno menor de idade. Tudo porque o jovem ameaçou a #Professora, que não queria mais ter relações sexuais com ele. Tal como informa o site “Correio da Manhã”, a jovem, que foi condenada a 90 anos de #Prisão, quer agora dar o próximo passo na sua vida e, depois de não conseguir arranjar mais trabalho como professora na região de Washington, resolveu investir na carreira de atriz pornô, tendo já feito o seu primeiro vídeo.

Publicidade

Os casos de relacionamento ilegais entre professoras e alunos, sobretudo nos Estados Unidos, estão ganhando cada vez mais protagonismo.

Publicidade

Contudo, se normalmente a professora ou o professor acabem sendo os grandes responsáveis por esse crime, a verdade é que nesse caso de Mary o aluno também foi um dos responsáveis para que tal acontecesse, de tal forma que a professora sentiu a necessidade de deixar tudo para trás e confessar tudo às autoridades, para travar a vontade e as ameaças do jovem, que queria continuar,

“Queria terminar a relação e ele me ameaçou e disse que 'acendia um fósforo e destruía a minha vida'", confessou muito recentemente a jovem professora em uma entrevista a uma televisão americana, como garante o site “Correio da Manhã”. Mary não tem agora problemas de confessar que tinha relações sexuais com o aluno de 17 ano “diariamente” e “centenas de vezes”, qual quer que fosse o local, incluindo dentro do carro.

Agora que foi condenada e parece ter aprendido com a lição, Mary investiu em uma outra carreira, começando como “stripper”, para acabar fazendo vídeos e cenas pornográficas.

Publicidade

Curiosamente, na primeira cena da professora como atriz, a jovem fala um pouco sobre porque foi condenada a prisão, conseguindo agora brincar com a situação. Nas redes sociais, muitos internautas estão espantados com a nova carreira da jovem, garantindo que, muito provavelmente, depois desse caso insólito, ela vai ser muito procurada como atriz pornô, podendo aproveitar esse fato para ganhar bastante dinheiro. #Investigação Criminal