Andrew Klein foi o nome do #bombeiro que conseguiu ressuscitar um cachorro de 10 anos, depois de um incêndio. Tal como informa o site do jornal “Diário de Notícias”, o bombeiro percebeu que Nalu não estava respondendo e, como última alternativa, decidiu fazer respiração boca a boca, ou melhor boca-focinho, para que ele conseguisse reagir aos impulsos. Depois de cerca de vinte minutos, finalmente Nalu reiniciou a sua respiração, tendo até voltado a andar normalmente, em um milagre que está emocionando muitos americanos.

Os animais já demonstraram que têm uma enorme resistência e força de viver, mesmo em situações em que o desfecho mais trágico parecia ser uma certeza.

Publicidade
Publicidade

Foi isso que aconteceu com o pequeno Nalu, que contou com a preciosa ajuda de um bombeiro para conseguir ressuscitar e estar novamente ao lado da sua dona, que alegadamente esteve durante toda a respiração boca-focinho chorando perdidamente.

“Ele estava sem vida. Eu peguei nele e corri para fora do apartamento. Depois de 20 minutos, o cão começou a respirar. recuperou a consciência e até a habilidade de andar”, revelou o bombeiro herói depois de tudo estar controlado com o cachorro, como garante o site do jornal “Diário de Notícias”. A mesma publicação garante que foi precisamente esse bombeiro que notou que estava um cão no apartamento em chamas, na zona da Califórnia, Estados Unidos.

Nas redes sociais, muitas mensagens garante que o bombeiro Andrew é um verdadeiro profissional e que merecia ser homenageado pelo que fez para salvar um animal, mesmo sabendo que o cão não estava respirando e nunca desistindo durante uns longos vinte minutos.

Publicidade

As imagens do milagre rapidamente foram compartilhadas e comentadas, tornando o caso verdadeiramente viral e um exemplo de força, sacrifício e vontade por parte do bombeiro, mas também do animal. Apesar de estar vivo, não se sabe ainda se o animal ficou com problemas crônicos depois desse enorme incêndio.

Acham que Andrew devia ser homenageado? Faziam o mesmo se vissem um animal em dificuldades? Deixem sua mensagem. #EUA