Por mais que diversas pessoas tomem as devidas precauções, acidentes podem acontecer com qualquer pessoa que esteja em algum local que potencialize este risco. Algumas coisas macabras acontecem em algumas regiões remotas em alguns países, como animais que matam pessoas e devoram crianças. Imagine como deve ser o desespero desses povos que convivem com grandes predadores que podem ser capazes de matar uma pessoa adulta.

Publicidade

Infelizmente outros fatores geralmente estão ligados a esses povos, como a pobreza e fome. A falta de recursos pode até propiciar esses encontros entre predadores monstruosos e pessoas e crianças indefesas.

Publicidade

Como foi o caso terrível de um menino de oito anos de idade que foi engolido por um crocodilo gigante.

O caso aconteceu no Zimbabue, em uma região conhecida como Mushumbi Pools onde toda a população está aterrorizada. Ataques deste tipo não são tão comuns, embora alguns acabem acontecendo de forma trágica como a desse pobre garoto que virou presa de um crocodilo que vivia próxima a sua aldeia.

Os habitantes do local só puderam descobrir o que aconteceu com o garoto após capturar o réptil que tem mais de três metros de comprimento. O animal foi abatido com tiros e depois foi aberto na barriga onde restos do corpo da criança puderam ser removidos.

O vídeo chocante deixou até mesmo a internet perplexa diante de tamanha brutalidade. Um dos motivos apontados para a morte da criança são as chuvas fortes que vem acontecendo no local. Com um alto índice pluviométrico, a região tem seus rios alagados e suas margens sofrem mudanças repentinas, atraindo crocodilos para locais que antes eles não habitavam.

O menino deve ter sido pego de surpresa ao brincar próximo a sua casa e não teve como se defender.

Publicidade

Pelo tamanho do animal, até mesmo um adulto seria uma presa fácil para um crocodilo de três metros que não deve ter se alimentado há semanas. Assista ao momento em que habitantes da região encontram e retiram o corpo do garoto, já sem vida, de dentro do animal selvagem:

#Tragédia #Acidente