Atualmente, o #UBER está fazendo o maior sucesso. Tem muita gente que vive apenas de dirigir os carros do aplicativo. Uma motorista do Uber, no entanto, acabou se dando mal pela opção que decidiu tomar para ganhar um dinheiro extra. Uma coincidência infeliz fez com que ela levasse uma cliente do aplicativo até a casa do seu próprio namorado. Pois é, ela descobriu que a moça que estava em seu veículo era a amante de seu companheiro.

A história foi contada nesta semana pela coluna Hora 7, do portal de notícias R7. A infeliz coincidência foi manifestava via Twitter. O nome da motorista que acabou se dando mal é #Msixelaa (o sobrenome não foi divulgado).

Publicidade
Publicidade

Nas suas fotos publicadas nas redes sociais, ela se mostra uma linda mulher.

No entanto, nem a beleza da motorista do Uber fez com que seu namorado pensasse ou não duas vezes em trai-la. "Eu trabalho para o Uber e acabei de pegar uma garota e deixá-la na p*** da casa do meu namorado", disse a profissional do volante completamente irritada com tudo o que aconteceu.

Ainda na conversa publicada nas redes sociais, a moça garantiu que passou a noite anterior ao lado do namorado e que ele estava indo para a cidade de Nova York, nos Estados Unidos. O traidor contou que faria a longa viagem para visitar a mãe, que estaria doente e no hospital. Ela não poderia imaginar que o homem estivesse mentindo.

Desabafo no Twitter após ser enganada com suposta doença da mãe

"Acordamos de manhã no apartamento dele e nos despedimos.

Publicidade

Então, ele pegou o carro para sair e eu peguei o meu para dar início ao trabalho", disse ela. Mesmo sabendo que estava com a amante do companheiro, ela foi profissional. A motorista deixou a amante na casa do companheiro e, mais tarde, acabou indo embora. Infelizmente,

Em sua opinião, a mulher fez certo ao ficar na dela na hora “H” do flagrante, mas mais tarde, ter contado tudo através das redes sociais? Deixe o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes para a sociedade. #É Manchete!