Após uma cirurgia bariátrica, realizada na Índia, a mulher conhecida como mais pesada do #Mundo, Eman Ahmed Abd El Aty, já perdeu 100 dos 500 quilos que tinha quando chegou ao país em janeiro. As informações foram divulgadas pelo hospital Saifee Hospital, que fica em Mumbai.

Segundo o comunicado emitido pelo hospital, os médicos estão focados em colocá-la em forma o mais rápido possível para que ela possa voltar para casa, no Egito. Ela saiu de sua casa pela primeira vez após 25 anos em um voo particular pago por sua família para transportá-la até a Índia, onde foi feita a cirurgia.

O avião de carga fretado foi equipado com cilindro de oxigênio, ventilador e desfibrilador portátil, além de medicamentos e outros equipamentos necessários para atendimentos de urgência caso fosse preciso.

Publicidade
Publicidade

A cirurgia bariátrica, mais conhecida como redução de estômago, foi realizada por uma equipe médica especializada que garantiu que Abd El Aty vai perder mais peso nos próximos meses.

Esse tipo de operação é indicada em casos de obesidade mórbida, ou seja, pacientes com Índice de Massa Corporal (IMC) igual ou superior a 40 ou que tenham IMC acima de 35, mas com problemas cardiovasculares. Dessa forma, a cirurgia bariátrica acelera a perda de #peso, ajudando os pacientes a alcançar o IMC ideal, medido de acordo com o peso e altura de cada pessoa.

Abd El Aty tem 36 anos e nasceu no Egito pesando cinco quilos. Segundo sua família, ela foi diagnosticada com elefantíase, que causa inchaço e engrossamento da pele nas partes atingidas pelo parasita causador da doença. Além disso, Abd El Aty sofreu um derrame aos 11 anos que a deixou de cama aos cuidados de sua mãe e irmã.

Publicidade

Nessa idade, ela já era muito pesada e não conseguia ficar de pé, o que fez com que ela abandonasse a escola.

Médicos acreditam que ela não tenha tido elefantíase, mas sim um tipo de doença que está ligada à obesidade, a linfedema. Ela acomete o sistema linfático e causa inchaços agudos, principalmente nos membros inferiores. A linfedema é uma doença crônica e pode ser hereditária. #Curiosidades