Um homem se acercou do parlamento de #londres, na Inglaterra, e fez um atentado terrorista, durante a tarde desta quarta-feira, dia 22 de março. Nesse momento, a polícia inglesa, fala em quatro mortos e mais de vinte feridos, como resultado desse ataque, que está sendo considerado como mais um episódio de terrorismo na Europa. O alegado agressor foi abatido pela polícia, mas os paramédicos ainda tentaram salvar a sua vida. Mais tarde, sua morte seria declarada, já no hospital.

O homem teria parado junto dos portões de segurança, e esfaqueado um policial. Aliás, algumas imagens mostram duas facas no chão, enquanto o agressor já estava deitado em uma maca, antes de ser encaminhado para o hospital.

Publicidade
Publicidade

Ele foi baleado três vezes, de acordo com os relatos policiais.

Quatro pessoas estão mortas, incluindo o agressor, e pelo menos vinte estão feridas, confirmou a Polícia Metropolitana. Entre os mortos, está uma mulher e o policial, que ele esfaqueou. O homem teria sido rapidamente travado pela polícia, quando se estaria preparando para fazer explodir um colete de explosivos. Ele foi travado e, apesar de sua ação, ele foi assistido pelos paramédicos. Antes disso, já tinha atropelado várias pessoas, junto da ponte. Pelo menos duas pessoas foram mortas com outros sofrendo lesões catastróficas.

Publicidade

O objetivo dele seria se explodir junto do parlamento, mas a segurança do local conseguiu evitar males maiores. Pelo menos dez pacientes foram tratados em na ponte de Westminster e uma série de hospitais estão em alerta, de acordo com o serviço de ambulâncias da cidade. Um homem, que se acredita ser o suspeito, foi admitido para tratamento em um hospital próximo, de acordo com relatos.

A polícia estaria também procurando por um segundo homem, nas imediações do parlamento. Várias pessoas gravaram os momentos de pânico que se viveram no local, e existem já imagens do agressor, que seria de origem jamaicana. Porém, ele tinha já nacionalidade britânica e tinha se convertido para o Islã.

Junto da ponte, entre os feridos que foram assistidos, esteve o alegado suspeito, que pode se ver nas imagens, com uma barba e semi-nu. O homem foi assistido e levado, sem camisa, de ambulância para o hospital. Algumas pessoas estão comentando, nas redes sociais, que eles não o deveriam ter assistido.

Veja o alegado suspeito do atentado:

#Atentado #Ataque Terrorista