O fim do mundo já teve sua data adiada algumas vezes. Pela última informação, inclusive noticiada aqui pela coluna do Superinteressantes na BlastingNews, será em outubro próximo.

Tudo porque um asteroide de nome Planeta X, ou Nibiru, pode colidir com a Terra, o que causaria a destruição de toda a vida terrestre. Com a destruição da camada de ozônio, seria impossível viver no Planeta e, portanto, toda a vida terrestre seria eliminada, evento idêntico ao que ocorreu com a extinção dos dinossauros.

Agora a aposta de Charles Bolden, ex-diretor da #Nasa, é que estamos sob a iminência de um ataque #extraterrestre.

Depois das várias descobertas da Nasa sobre planetas com possibilidade de água em sua superfície, que é o princípio da vida orgânica como conhecemos, a chance de não estarmos sós no Universo é muito grande.

Publicidade
Publicidade

Claro que não se sabe se existe vida inteligente, mas analise, por que só a Terra, num Universo infinito, teria habitantes inteligentes?

Não justifica. E, por isso, não se pode duvidar da possibilidade da Terra estar sob olhares atentos de outras civilizações intergalácticas. Será que existem extraterrestres querendo viver por aqui? Ao menos recursos vitais, como água doce e oxigênio, além de alimentos, ainda temos em abundância.

E por conta de tudo isso, o cientista Charles Bolden fez um ousado comunicado no dia 22 de abril. Segundo ele, a Terra será atacada por extraterrestres em breve. A declaração em questão foi pronunciada durante uma conferência da NASA.

Em seu comunicado, ele parece bem eloquente ao afirmar que existem muitas situações 'terríveis' em todo o Universo. A Nasa estima, no estudo do próprio Charles, que existam cerca de 30 mil civilizações com vida além da Terra.

Publicidade

Ele afirma que o número não é aleatório e que é resultado de um estudo de dez anos. Estudos, aliás, que devem ter chamado atenção dessas outras civilizações extraterrestres, e esse seria o motivo do possível #ataque alienígena.

O site Sputnik News revela que Charles não colocaria sua carreira em risco, afirmando algo tão esdrúxulo, se não houvesse ao menos alguma possibilidade de realmente acontecer. E ele fez a afirmação, nada menos que em um fórum mundial sobre o assunto promovido pela NASA.

Segundo sua afirmação, até 2025 a Terra deverá receber a visita de povos não desejados do espaço. E segundo ele, a culpa é nossa, ou da própria NASA, que tem explorado o Universo e colocado a Terra em evidência para esses povos. E sua preocupação não é meramente informativa. Ele pede que se tome decisões agora, sobre essa possibilidade.

O astronauta e cientista foi criticado por alguns colegas que afirmam que até agora não existe nem mesmo registro evidente de vida além da Terra. Qual sua opinião?