Foi postado na internet um vídeo de #Adam Johnson, dentro da cadeia, na Inglaterra. O ex-jogador de futebol, que está condenado por crimes sexuais com uma garota de 15 anos de idade, estava conversando com outros detentos, na lavandaria, quando foi filmado por alguém.

Se desconhece quem fez o vídeo e como o fez, mas as imagens mostram o ex-craque da seleção inglesa falando sobre o que aconteceu entre ele e a vítima. Estas declarações, que estão sendo validadas na #Justiça, poderão aumentar mais ainda a pena do futebolista, porque ele contou algumas coisas diferentes do que quando esteve no tribunal.

Adam Johnson jogava no Sunderland quando tudo aconteceu.

Publicidade
Publicidade

Uma fã, menor de idade, teria se aproximado dele e mais tarde os dois teriam mantido alguns encontros, em que o jogador teria cometido ilegalidades, uma vez que a garota tinha menos de 16 anos. A jovem acabou acusando o futebolista para os pais e a polícia iniciou uma investigação.

No julgamento, Adam Johnson, que antes havia jogado no Manchester City, foi condenado a seis anos de cadeia, que já está cumprindo.

O jogador foi acusado por atividades íntimas com a garota e, no tribunal, confessou que era culpado, porque ela era muito jovem e ele era o adulto, que deveria ter mantido distância. A namorada do jogador, Stacey Flounders, estava grávida da primeira filha do casal, quando isso aconteceu.

Publicidade

Mesmo admitindo ser culpado, Adam Johnson sempre negou ter feito sexo com a adolescente, confessando apenas ter trocado alguns beijos e carícias com a jovem.

No entanto, a culpa e arrependimento que ele demonstrou no tribunal parecem estar bem longe da cabeça de Adam. Durante a gravação feita às escondidas, ele admitiu para os outros detentos que está arrependido de não ter estuprado a garota para compensar os seis anos de cadeia que pegou.

A gravação começa com um detento perguntando para Adam a pena que pegou. Ao saber que foram seis anos, o outro recluso considera uma pena pesada, como se ele tivesse "estuprado ela ou assim". Nesse momento, Adam Johnson responde, rindo, o que gostaria de ter feito: "Eu gostava de a ter f*** pelos seis anos", até porque conhece outros detentos que tiveram relações sexuais com garotas de 12 anos e apanharam 13 meses por isso.

Nessa conversa, dá para entender que o ex-jogador se sente revoltado e que pensa que foi injustiçado.

Publicidade

Para ele, sua pena foi maior por ser famoso, servindo assim como um exemplo para todos os homens que se envolvem de forma mais íntima com crianças.

Durante a conversa, Adam acaba culpando a garota que se vestia de uma forma ousada, "com os seios de fora", para o seduzir, sempre que se aproximava dele ao final dos jogos. Se em tribunal ele se considerou culpado, por ser o adulto, nesta gravação, ele acabou admitindo que considera que a garota sabia bem o que estava fazendo.

Durante a conversa, ele contou ainda que não fez nada com ela e que "nem o p** teve de fora" alguma vez. Voltou a falar sobre um "beijo de 20 segundos", que trocou com ela, que seria o agradecimento da jovem por ele ter autografado uma camisa para ela.

Depois que o vídeo surgiu, um porta-voz da proteção de menores disse: "Que parte da idade de consentimento Johnson não percebeu? Para torná-lo mais claro para ele: adultos não podem ter relações sexuais com crianças. Sua falta de remorso por atividade sexual com uma criança é terrível e mostra desprezo total por sua vítima".

Assista ao vídeo da conversa na cadeia:

#Estupro