Na internet existem muitas histórias macabras que são de assustar e, assim como elas, essa em especial está dando muito o que falar. Segundo o que foi divulgado, houve uma aparição sinistra em um teatro nos Estados Unidos, referente a um suposto ‘#Fantasma da mulher de branco’. Tal aparição foi registrada por caçadores de fantasmas e de evidências paranormais.

O local, pelo que diz uma #lenda da região do estado americano do Maine, é mal-assombrado por um espirito de uma determinada atriz, que teria morrido de ataque cardíaco em uma das salas do teatro Biddeford City. A mulher se chamava Eva Grey, que faleceu no ano de 1904 e, desde essa época, as histórias sobre a tal lenda vem se espalhando.

Publicidade
Publicidade

A atriz morreu no auge dos seus 33 anos. Ela teve um ataque cardíaco após ter se apresentado quatro vezes seguidas em uma peça chamada ‘Goodbye Little Girl, Goodbye’, para um público que era muito rigoroso. Segundo o que muitas pessoas contam sobre a história, a filha de Eva, de 3 anos, estava na plateia neste dia para assistir ao espetáculo, que era muito famoso na época.

Em janeiro deste ano um grupo de caçadores de fantasmas foi até o local para verificar se a tal lenda era verdadeira e se no local realmente habitava a tal fantasma. Só que eles mal sabiam que realmente encontrariam algo assustador no local.

As imagens registradas pelo grupo mostraram que algo se movimentava e perambulava pelo teatro. Era uma figura de branco muito estranha. Segundo os caçadores, tal vulto branco era o fantasma de Eva, que ronda constantemente o estabelecimento.

Publicidade

A líder da equipe de caçadores de fantasmas, Caroline Menzoian, de 51 anos, afirmou que esta foi a única vez em que eles conseguiram capturar uma imagem de um fantasma por inteiro. A moça, que também é uma investigadora do grupo EVP Paranormal of Maine, vive se dedicando a este trabalho e procura evidências de seres paranormais.

O fantasma, segundo Caroline, teve sua imagem registrada pelos caçadores através do uso de câmera com infravermelho. Pelo que a profissional diz, no início foi difícil de acreditar no que eles estavam vendo, porém, diante das evidências, não há como negar que ali nas imagens realmente tem um fantasma.

Depois de comprovar que no teatro existe mesmo a ‘mulher de branco’ que vaga pelos cômodos, Caroline afirma que os céticos podem pensar o que quiserem, mas o material que eles conseguiram coletar ali é a maior prova que eles possuem de que toda a história é verdadeira.

#macabra